fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Mundo

Opas não recomenda nenhuma vacina contra covid-19 agora

A diretora da Opas, Carissa Etienne, afirmou que a organização apenas vai apoiar uma vacina que tiver passado por todos os processos de testagem

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Em resposta ao anúncio de Jair Bolsonaro de que não iria adquirir vacinas para a covid-19 produzidas pela China, o diretor do Departamento de Doenças Transmissíveis da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), Marcos Espinal, afirmou em entrevista coletiva que a Opas não entra em “questões internas dos países”, e que, no momento, não há nenhum imunizante recomendado pela organização. Jarbas Barbosa, diretor-assistente da entidade, disse que as vacinas na fase três de desenvolvimento estão sendo observadas, e avaliou ser possível que no primeiro semestre de 2021 elas tenham passado por toda a verificação e estejam disponíveis.

A diretora da Opas, Carissa Etienne, afirmou que a organização apenas vai apoiar uma vacina que tiver passado por todos os processos de testagem, e que tenha sido aprovada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a qual tem um processo independente de investigação. Carissa Etienne apontou a desinformação como uma “ameaça na região”, e indicou que países em toda a América terão acesso à vacina, em um desdobramento da iniciativa Covax, que atualmente conta com todas as nações da latino-americanas envolvidas em algum grau.

Sobre o estágio do vírus, os diretores afirmaram que ainda é preocupante e que não há grandes motivos para se celebrar, com casos aumentando rapidamente em várias regiões, incluindo o Meio-Oeste e as regiões montanhosas dos Estados Unidos.

Estadão Conteúdo

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade