Siga o Jornal de Brasília

Mundo

Manifestantes quebram vidro e tentam invadir Parlamento de Hong Kong

Milhares de pessoas se reúnem nas ruas e bloqueiam parte das principais vias da cidade desde a manhã

Publicado

em

Publicidade

Manifestantes tentaram invadir o prédio do Poder Legislativo de Hong Kong nesta segunda-feira, 1, no dia da marcha anual do 22º aniversário da transferência da soberania de seu território à China pelo Reino Unido. Milhares de pessoas se reúnem nas ruas e bloqueiam parte das principais vias da cidade desde a manhã.

Um grupo que manifestava em frente ao Conselho Legislativo repetidamente bateu um carrinho de supermercado contra o painel de vidro da entrada do prédio, conseguindo quebrar parcialmente a proteção. A polícia trabalhou com bombas de gás e spray de pimenta e realizou um cerco no local danificado.

O acontecimento marcou o início das manifestações desta segunda-feira, que marca o 22º aniversário da transferência da soberania de Hong Kong do Reino Unido para a China. Já era esperada uma manifestação maior do que a usual para este evento por conta do imbróglio envolvendo a mudança de leis de extradição na região, que permitiria que suspeitos fossem levados para a China para serem julgados.

Isso, de acordo com os manifestantes, fere liberdades e direitos garantidos por Hong Kong há mais de 50 anos. O projeto de mudança nas leis de extradição foi suspenso, mas os manifestantes exigem que ele seja formalmente retirado de pauta, assim como a renúncia da chefe do Executivo, Carrie Lam, que participou de uma cerimônia em outro ponto da cidade nesta segunda-feira.

 

Estadão Conteúdo


Você pode gostar
Publicidade