fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Mundo

Mais de 167.000 mortos por coronavírus, segundo balanço da AFP

As autoridades acreditam que, até o momento, pelo menos 545.400 pessoas foram curadas da doença

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

O novo coronavírus causou pelo menos 167.594 mortes em todo o mundo desde que surgiu na China em dezembro, de acordo com um balanço feito pela AFP com base em fontes oficiais, nesta segunda-feira às 16h00.

Desde o início da epidemia, mais de 2.437.170 casos de contágio foram registrados em 193 países ou territórios. O número de casos diagnosticados positivos reflete apenas uma parte de todas as infecções devido às políticas diferentes dos países para diagnosticar casos. Alguns testam apenas as pessoas hospitalizadas.

As autoridades acreditam que, até o momento, pelo menos 545.400 pessoas foram curadas da doença.

No dia anterior, foram registradas 3.667 novas mortes e 73.979 infecções em todo o mundo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Nas últimas 24 horas, os países que registraram mais mortes foram França, com 547 novas mortes, Itália (454) e Reino Unido (449).

O número de mortos nos Estados Unidos, que registrou sua primeira morte ligada ao vírus no final de fevereiro, é de 40.931. O país registrou 766.212 casos. As autoridades consideram que 71.581 pessoas se recuperaram.

Depois dos Estados Unidos, os países mais afetados são Itália com 24.114 mortes e 181.228 casos, Espanha com 20.852 mortes (200.210 casos), França com 20.265 mortes (155.383 casos) e Reino Unido com 16.509 mortes (124.743 casos).

A China continental (sem contar Hong Kong e Macau), onde a epidemia eclodiu no final de dezembro, tem um total de 82.747 pessoas infectadas, das quais 4.632 morreram e 77.084 foram completamente curadas. Nas últimas 24 horas, 12 novos casos e 0 óbitos foram registrados.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Desde o início da epidemia, a Europa adicionou 105.869 mortes (1.202.306 casos), Estados Unidos e Canadá 42.640 (802.882), Ásia 7.068 (166.994), Oriente Médio 5.675 (129.268), América Latina e Caribe 5.093 (104.731), África 1.159 (23.089) e Oceania 90 (7.903).

Esse balanço foi feito usando dados das autoridades nacionais compiladas pelos escritórios da AFP e com informações da Organização Mundial da Saúde (OMS).

© Agence France-Presse




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade