fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Mundo

Coronavírus: China tem três vacinas na segunda fase de testes clínicos

Cinco medicamentos foram aprovados e encaminhados para ensaios clínicos de fase II

Avatar

Publicado

em

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil
PUBLICIDADE

O chefe da Comissão Municipal de Ciência e Tecnologia de Pequim, Xu Qiang, informou que o grupo desenvolveu 21 projetos de ciência e tecnologia para combater a pandemia do novo coronavírus.

Além disso, cinco medicamentos foram aprovados e encaminhados para ensaios clínicos de fase II. O plano de ação de três anos pretende fortalecer o sistema de gerenciamento de emergências para segurança da saúde pública de Pequim (2020-2022).

A capital chinesa irá apoiar os fabricantes de produtos farmacêuticos e de vacinas na expansão de sua capacidade de atender às demandas, com o intuito de acelerar no desenvolvimento de reagentes capazes de realizar o diagnóstico da doença, além de auxiliarem na produção de medicamentos, vacinas e equipamentos médicos.

Xu também informou que Pequim atuará no aprimoramento de novas tecnologias, como big data, inteligência artificial, 5G e internet, a fim de rastrear, prevenir e controlar o avanço de epidemias.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade