fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Mundo

Blindados militares atropelam manifestantes em Caracas

Aline Rocha

Publicado

em

PUBLICIDADE

Da Redação
redacao@grupojbr.com

As tropas aliadas ao governo de Nicolás Maduro, ditador da Venezuela, avançaram contra a população que protesta na capital em Caracas, após convocação do autointitulado presidente interino do país, Juan Guaidó. Ainda não há informações sobre feridos ou mortos.

Um veículo blindado da Guarda Nacional, do regime de Maduro, atropelou e passou por cima de manifestantes da oposição em Caracas. As imagens foram exibidas em diversas redes de televisão. Os manifestantes protestavam perto de base militar e atiravam paus e pedras contra os veículos.

Apesar de o autointitulado presidente interino Juan Guaidó afirmar que as Forças Armadas estão ao seu lado para derrubar Maduro, o ministro da Defesa da Venezuela, Vladimir Padrino López, disse que os militares se “mantêm firmes” na defesa da Constituição e de “suas autoridades legítimas”, acusando os opositores de fomentar o “terror” em vias públicas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O líder da oposição venezuelana Leopoldo López conseguiu sair nesta terça (30/04/2019) da prisão domiciliar com a ajuda de militares que deixaram de apoiar o regime chavista, evidenciando uma divisão nas Forças Armadas do país. López chegou a divulgar uma foto em seu Twitter junto a Guaidó e pediu à população que tomasse as ruas de maneira pacífica. “Fazemos esse chamado a todos para que se somem a esse processo, um processo de unificação das Forças Armadas com o povo”, disse

Com informações de Estadão Contéudo




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade