Siga o Jornal de Brasília

Gastronomia

#LuBarboIndica: La Palma, o paraíso de quem cozinha

Mercadinho já foi eleito o melhor da cidade por júri especializado e conquista chefs de cozinha pela variedade e qualidade dos produtos

Publicado

em

LuBarboIndica

Pergunte a qualquer chef de cozinha onde comprar produtos de excelente qualidade, muitos deles ainda raros em Brasília. Provavelmente, ele vai te dar os dois endereços do mercadinho La Palma, na 404 Norte e 413 Sul.

Não é à toa que o local se auto intitule o paraíso dos gourmets. Ali, é possível encontrar desde uma grande variedade de flores comestíveis até o polêmico fígado de ganso gordo, o foie gras.

A loja foi fundada por Ichikichi Saito e sua esposa, japoneses que chegaram à capital federal em 1964, depois de passarem oito anos no Pará. Eles moravam numa chácara no Núcleo Bandeirante, onde cultivavam diversas hortaliças. A venda dos produtos era realizada no comércio entra as quadras 404 e 405 Norte.

Alguns anos depois, em 1969, fundaram a loja que até hoje permanece no mesmo local, com algumas expansões, no entanto. Em 1986, Ichikichi passou a empresa para a filha Mariko, casada com Rogério Muniz. Os dois abraçaram o negócio de tal forma que ele fez, e continua fazendo, parte da construção da gastronomia da cidade.

Mais do que verduras, eles passaram a trazer ingredientes ainda raros por aqui. “Fomos os primeiros a vender azeites de qualidade. Passei a fazer viagens para pesquisar ingredientes e fornecedores”, conta o genro do fundador.

O que tem lá

Atualmente, são mais de 10 mil itens à disposição de donas de casa e de cozinheiros amadores e profissionais. A oferta vai desde de frutas corriqueiras como abacaxis e bananas até framboesas, phisalys, amoras e cerejas. Passa ainda por diversas espécies de cogumelos, frutos do mar, cortes especiais de pato, javali, massas, especiarias, condimentos e iguarias finas como trufas, baunilhas e até mesmo escargot e queijos de leite cru do Serro e da Canastra.

Por conta dessa diversidade, o La Palma já recebeu chefs como Roberta Sudbrack, mesmo antes de ela ser a cozinheira do então presidente da república Fernando Henrique Cardoso. O francês Claude Troisgros também é outro a admirar a variedade do mercadinho e a dedicação do dono. De Brasília, é bem difícil encontrar um chef de cozinha que nunca tenha recorrido às gôndolas de Rogério Muniz para preparar uma receita.

Deu vontade de conferir? Então passe pela loja da 404 Norte e aproveite para bater um papo com Rogério. Ele é uma figura ímpar.

Serviço:

SCLN 404 Bloco D
Telefone: (61) 3326-8885
Funciona de segunda a sexta, das 8h às 19h; sábado, das 8h às 16h

SCLS 413 Bloco B, Brasília DF
Telefone: (61) 3445-1004
Funciona de segunda a sexta, das 8h às 19h; sábado, das 8h às 15h

 

 


Você pode gostar
Publicidade