Siga o Jornal de Brasília

Gastronomia

Festival Goût de France chega à quinta edição



Criado há cinco anos, o festival Goût de France já está virando tradição do terceiro mês do ano. Inspirado nos jantares de Epicuro, realizados pelo chef Auguste Escoffier, o evento reunirá 5 mil cozinheiros ao redor do planeta em 21 de março, sob a organização do Ministério da Europa e das Relações Exteriores da França. O objetivo da iniciativa é contribuir para a promoção da cozinha francesa, considerada patrimônio imaterial da humanidade desde 2010, e do país como destino turístico.

O tema desse ano é o desenvolvimento sustentável e a preservação do planeta por meio da gastronomia e do engajamento dos cozinheiros. A novidade é que 5% dos lucros obtidos com a vendas das refeições sejam doados à fundação No More Plastic, que trabalha para redução dos rejeitos plásticos nos oceanos. Os chefes poderão propor um menu de inspiração francesa ou provençal em seus restaurantes, incluindo produtos locais às receitas.

Em Brasília

A capital federal participa da festa com 20 representantes. Veja a lista dos restaurantes que participam dessa edição aqui. Abaixo, destaco alguns dos menus que estarão em cartaz na data.

Leônidas Neto e Alexandre Aroucha, da Grand Cru

Para a Grand Cru (QI 9, do Lago Sul), os chefs Alexandre Aroucha e Leônidas Neto criaram um menu a R$ 198, que começa com canapés (de azeitonas pretas e anchovas e de queijo de cabra fresco com geleia de tomates e lavanda) e brandade de bacalhau. Os pratos seguintes são cordeiro ao vinho com legumes e torradas de brioche, e filé de lagosta com molho de manteiga e bottarga. A tarte tatin de melão com mel biológico, acompanhada por sorvete de figo e tomilho será preparada pelo chef confeiteiro Daniel Briand.

Alexandre Albanese, do Nossa Cozinha Bistrô

No Nossa Cozinha Bistrô, do chef Alexandre Albanese, o jantar (R$ 120) começa com consomê de lagostim e spetzel de mandioquinha. A segunda etapa é o ravióli de queijo da Canastra, pesto de menta e baru condimentado, seguido por mil folhas de filé com foie gras, rosti de goiaba, pimenta de macaco e aligot de milho verde. Para encerrar, tem seleção de queijos franceses, compota de pera e cachaça e red velvet Goût de France.

França com Dinamarca

Quem está com saudade do Aquavit, pode aproveitar a oportunidade para visitar o chef Simon Lau Cederholm. Para a ocasião, ele fará ostras defumadas a frio com sorbet de birbiri; essência de tomate com frutos do mar e barriga de porco, cajá, mangarito e redução. Em seguida, serve queijos artesanais brasileiros com geleias do cerrado, e sobremesa com chocolate, cajuzinho e baunilha do cerrado. Café, chá e mimo de castanha de pequi também estão incluídos no jantar, que custa R$ 280 (sem vinho) e R$ 400, 00 (com vinho).

Simon Lau Cederholm, do Aquavit

 

Nicole Magalhães, do Piauíndia

No Piauíndia, os chefs Nicole Magalhães e Evandro Viana escolheram os champignons à provençal para iniciar o almoço (R$ 49). O mix de cogumelos salteados na manteiga ghee com vinho branco, tomatinhos, cebola e ervas de Provence, será servido numa torrada de brioche. Já o tradicional boeuf bourguignon terá a companhia de batatas salteadas no azeite e ervas. Para a sobremesa, a dupla reservou a mousse de chocolate amargo com tuille de avelã.

 

Serviço:

Goût de France 2019
Dia 21 de março em 20 endereço de Brasília
Saiba mais sobre o evento aqui.

Você pode gostar
Publicidade