Siga o Jornal de Brasília

Gastronomia

Davydenko é o único entre os dez melhores que continua

Publicado

em

Publicidade

Nikolay Davydenko, número seis do ranking mundial, é o único tenista posicionado entre os dez melhores do mundo que ainda tem chance de título no Masters Series de Hamburgo. Isso porque, antes de entrar em quadra hoje, o russo viu o norte-americano James Blake e o chileno Fernando Gonzalez serem eliminados.

Quarto favorito ao título, Davydenko se classificou para as quartas-de-final ao passar com tranqüilidade pelo finlandês Jarkko Nieminen, cabeça-de-chave 13, por parciais de 6/1 e 6/3. O próximo rival será o croata Mario Ancic, 12º favorito, que eliminou Blake com 4/6, 7/5 e 7/6 (7-4). Blake, cabeça-de-chave cinco, ocupa a sétima posição do ranking. 

Atual número oito do mundo e cabeça-de-chave sete em Hamburgo, Fernando Gonzalez saiu na frente do espanhol Fernando Verdasco, mas não resistiu à reação do rival e perdeu por 3/6, 6/2 e 6/3. O adversário de Verdasco nas quartas será o argentino Jose Acasuso, que derrotou o francês Sebastien Grosjean por 2 x 0 (7/5 e 6/4).

Já o espanhol Juan Carlos Ferrero acabou derrotado pelo compatriota David Ferrer por 2 x 0 (6/2 e 6/4). Na próxima rodada, Ferrer faz outro duelo caseiro, desta vez contra Tommy Robredo, que venceu o francês Paul-Henri Mathieu por 2 a 0 (6/3 e 6/3).

Publicidade

Outros tenistas garantiram suas respectivas passagens para as quartas-de-final. O tcheco Radek Stepanek passou pelo sueco Robin Soderling por 2 a 0 (6/3 e 6/2) e irá enfrentar o bielo-russo Max Mirnyi, que eliminou o francês Gilles Simon também por 2 a 0 (6/3 e 6/2).


Você pode gostar
Publicidade