Siga o Jornal de Brasília

Gastronomia

Chef representa Brasília na Copa do Mundo de Confeitaria

A chef pâtissier Sonia Takata, do B Hotel, já está na França para a Copa do Mundo de Confeitaria. Pela primeira vez, Brasília será representada nesta que é a maior competição do gênero no mundo. As finais da 30ª edição ocorrem nos dias 27 e 28 de janeiro, em Lyon.

Sônia compõe o time brasileiro ao lado de Letícia Cruz, do Rio de Janeiro, e Ítalo Máximo. A equipe, coordenada pelo chef Rafael Barros, da Confeitaria Ópera Ganache (SP), vai competir no primeiro dia, das 6h30 às 16h30 (horário de Brasília).  O trio vem se preparando para a o grande dia desde abril, quando foi classificado na etapa do México do certame.

O tema definido para a competição é Fauna e Flora com ênfase na questão da produção do mel no mundo. A ideia é ampliar a conscientização sobre a biodiversidade por meio da avaliação do trabalho das abelhas e da polinização. “Vamos destacar os oceanos e a relação da degradação deles com o produto. Teremos uma sobremesa vegana, uma torta com predominância dos sabores do mel e do chocolate, e uma torta entremet de sorvete, no qual esse preparo terá um formato de tartaruga”, conta a chef confeiteira.

A chef Sonia Takata (Foto: Gui Teixeira)

Expectativa

Sônia considera a competição bem difícil. E, mesmo que não leve a nota máxima, acredita que a sua participação na Copa do Mundo de Confeitaria pode ajudar a elevar a reputação do Brasil no cenário da confeitaria mundial. “Estamos muito empenhados. Nos últimos 15 dias, a equipe treinou dia e noite intensamente”, afirma ela. Desde o ano passado, Sônia intercala seu trabalho no B Hotel com treinamentos madrugada adentro em Brasília e em São Paulo. Sua expertise dentro da equipe é o trabalho com isomalte, um tipo especial de açúcar produzido na Alemanha com beterraba branca.

Você pode gostar
Publicidade