Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Prazeres do vinho

Quais são os maiores produtores de vinhos do mundo?

Por Daiany Nasteoli 04/06/2021 6h16
Quais são os maiores produtores de vinhos do mundo?

Os grandes ícones da produção de vinhos continuam sendo os franceses, todos os países produtores produzem vinhos com muita qualidade, vinhos muitos bem feitos, mas também produzem vinhos com qualidade baixa.

E porque eu digo isso? Para que na hora que falarem sobre os vinhos franceses você não saia correndo no supermercado e compre um vinho francês de 20 reais e tome achando que é o melhor vinho do mundo. A qualidade dos vinhos de qualquer país varia muito, a França produz cerca de seis bilhões de litros, ou seja, ela produz uma elite maravilhosa de vinhos, mas também faz vinhos baratos e até mesmo vinhos ruins e mal feitos. Então muito cuidado, não é só a origem do país que vai te dizer se o vinho é bom ou não. Há vinhos espetaculares em quase todos os países produtores, há vinhos espetaculares no Chile, na Espanha, na Itália, na Argentina, nos Estados Unidos.

As caves milenares da Veuve Clicquot

Numa hierarquia da elite dos vinhos e que fique bem claro que não é qualquer vinho – Eu coloco a França em primeiro lugar, depois a França novamente, depois a Itália, a Espanha e por fim Portugal. Eu acredito que a Califórnia seja o grande país do novo mundo a fazer vinhos, a Austrália vem logo depois. O Brasil nessa briga aí ainda não participa eu diria, o Brasil tem bons vinhos, mas estamos falando da elite da elite dos vinhos, principalmente por conta da “Estrada” a longa estrada na produção de vinhos. Daqui a algumas décadas eu espero termos um grande ícone mundial.

Spring Mountain Vineyard, na Califórnia

Por quê? O Brasil tem clima para algum tipo de vinho, mas não para todos, fazer vinho é produzir o melhor vinho possível naquele clima e condição possível, a gente tem bons espumantes no sul do Brasil, mas é muito difícil fazer lá na região de Bento Gonçalves onde tem o Garibaldi, por exemplo, que tem bons espumantes, produzir um tinto muito encorpado parecido com os do Chile ou da argentina. Porque é difícil amadurecer a uva lá, o clima é úmido, então a uva não chega à maturidade máxima da uva tinta e a concentração máxima de aromas e sabores. Pra você fazer um tinto muito encorpado é difícil, é o que pesa na produção dos tintos no Brasil.

Spa do vinho – Vale dos vinhedos. Rio Grande do Sul

Fazer vinho é uma interação de muitas variáveis, como o solo, subsolo, clima, quantidade de sol, ângulo para o sol, como ele vai bater nos vinhedos, vento, tipo de uva, clone do tipo de uva que se pode adaptar com seleção clonal cruzamento de DNA das uvas, tipo de plantio, colheita, tipo de condução das videiras, se é mais alta ou mais baixa ou mais inclinada em relação ao sol, momento da colheita, se é manual ou mecânica, tipo de maceração se é com engaço ou não, com os raminhos se vão esmagar mais ou menos, tipo de barrica de carvalho que irá usar se é francesa americana se é muito tostada ou pouco tostada se ela é muito porosa ou pouco porosa, de que floresta ela vem da França da Hungria, ou seja, é bem complexo.

Então a cada ano, por exemplo, digamos que na produção do vinho esse ano foi tudo certo, mas utilizou a madeira errada, então no próximo ano muda a madeira, mas aí choveu mais que o esperado, veja que são décadas até acertar perfeitamente o processo.

A produção francesa é de 5 a 6 bilhões de litros e a brasileira se contar só a de vinhos finos é de 30 milhões de litros e se contar vinhos de garrafão também 250 milhões de litros e 80% é vinho de garrafão ainda. De consumo podemos contar que o país inteiro consome 1.7 litros/ano por pessoa, só que estatísticas no Brasil é sempre enganosas a gente tem perfis no Brasil que são os seguintes: Os pobres que não tem acesso a vinho nenhum, uma classe média e uma classe alta, se pegarmos isso e calcular só para a classe mais alta que bebe então esta bebe muuuuuito bem.
Já o limite de consumo é discutível, a estudos que diz que é de 100 ml por cada 10 kg de peso, ou seja, se você tem 80 kg tomaria 800 ml, uma garrafa de vinho, há outros que dizem uma taça por dia, então seria entre uma taça e uma garrafa, meia garrafa com uma refeição.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

E lembrem-se! O importante degustar o seu vinho com a refeição! Vinho sozinho não é muito legal.






Você pode gostar