Prazeres do vinho

Tendência no mundo dos vinhos – O que o Covid-19 trouxe que permanecerá em 2021

O consumo de vinhos cresceu exponencialmente em 2020 no Brasil e no mundo. Certamente é uma tendência que veio para ficar

Por Daiany Nasteoli 22/01/2021 6h19
Tendência no mundo dos vinhos Tendência no mundo dos vinhos

O mundo dos vinhos tem passado por várias transformações, degustações virtuais, e-commerce, muitas aulas on-line disponíveis, as lives bombaram. A pandemia fez com que todos tivessem que se reinventar. E no início do ano começam as especulações, creio que em 2021 todas essas mudanças e evoluções continuarão em alta.

Durante o distanciamento social, abrir uma garrafa de vinho para assistir as ‘Lives’ gratuitas do seu artista predileto, ou se reunir com amigos durante o happy hour virtual ajudou e muito o mercado de vinhos a seguir em frente, seja um pequeno produtor, na França ou Itália, um varejista, ou trabalhadores de grandes empresas. Os eventos on-line permitiram uma aproximação ainda maior com sommeliers, vinícolas, enófilos e enólogos de todas as partes do mundo, e de forma muito mais prática, exclusiva e cômoda. Certamente é uma tendência que veio para ficar, mesmo depois da vacina.

O novo hábito de degustar bebidas de forma compartilhada virtualmente foi muito além da sala de estar, a empresária Daiana Maia dona de um e-commerce de vinhos, por exemplo, aproveitou a oportunidade e conseguiu produzir vários encontros criativos por meio de videoconferências.

“A ideia do projeto veio devido ao distanciamento social, antes os jantares e degustações aconteciam em restaurantes e adegas, onde juntamente com o chef do local é feito a harmonização entre pratos e vinhos e a apresentação dos mesmos no dia do jantar, com o surgimento e melhoramento de vários aplicativos de videoconferência, usei a oportunidade para produzir eventos on-line onde várias pessoas de qualquer lugar pudessem participar provando dos mesmos vinhos simultaneamente. O link pode ser acessado tanto para os participantes que compram os kits com os vinhos que são entregues no Brasil, quanto para os que só querem assistir a live, até mesmo de outros países, a venda dos kits é feita no meu e-commerce e divulgada no prazo de envio e entrega aos clientes. No último evento, final do ano passado a estrutura foi montada em um restaurante seguindo todas as regras de distanciamento, então alguns clientes participaram fisicamente degustando o cardápio elaborado pelo chef. O grande diferencial em alguns desses encontros é a participação do produtor dos vinhos, neste último, por exemplo, teve a ilustre presença virtual de um dos mais respeitados enólogos do mundo o Pascal Marty, nome de peso no mercado global de vinhos. Do Chile ele apresentou e falou de todos os vinhos que estavam harmonizados com o menu em cinco etapas. Foi uma noite incrível e agregadora, o projeto só tende a crescer mais em 2021”. Diz Daiana Maia

Daiana Maia e Daiany Nasteoli

“Não importa o que aconteça, os consumidores de vinho não se absterão”, escreveu recentemente num blog Rob McMillan, vice-presidente sênior da Divisão de Vinhos do Silicon Valley Bank. Ele projeta vendas de vinho ainda maiores.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Não pretendemos que as coisas mudem se sempre fazemos o mesmo. A crise é a melhor bênção que pode ocorrer com as pessoas e países, porque a crise traz progressos. A criatividade nasce da angústia, como o dia nasce da noite escura. É na crise que nascem as invenções, os descobrimentos e as grandes estratégias. Quem supera a crise, supera a si mesmo sem ficar ‘superado’. Quem atribui à crise seus fracassos e penúrias, violenta seu próprio talento e respeita mais os problemas do que as soluções. A verdadeira crise é a crise da incompetência…. Sem crise não há desafios; sem desafios, a vida é uma rotina, uma lenta agonia. Sem crise não há mérito. É na crise que se aflora o melhor de cada um”.
Albert Einstein

Além de maior consumo, os apreciadores de vinho passaram a buscar mais informação sobre a bebida e de forma on-line os cursos tiveram de ser mais interativos. Tenho certeza de que esse movimento vai continuar. A entrada no mundo do vinho é sem volta, presencialmente ou virtualmente. Quem passou a beber vinho não vai deixar de consumir.

E-COMMERCE – As vendas pela internet já alcançam 12% do mercado nacional, conforme a Ideal Consulting.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar