Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Entretenimento

Voxel Festival – Science Drive In 2021 estreia em formato on-line

Evento que mescla ciência, inovação e cultura toma conta da internet com vídeos que mostram experimentos científicos, debates com pesquisadores, além do enfoque na participação da mulher na ciência

Em tempos de pandemia, de ansiedade para com a descoberta de curas para doenças e prolongamento da vida dos povos, a ciência, a inovação e a cultura ressurgem como atores principais, com papeis fundamentais para a preservação da humanidade. E o Brasil e a sua capital mostram os seus valores e preocupações. Neste momento de luta contra o coronavírus, um grupo de cientistas brasilienses se uniu a artistas para realizar um festival lúdico e inovador.

Idealizado pelos pesquisadores brasilienses Victor Carlos Mello da Silva e Luis Alexandre Muehlmann, o Voxel Festival – Science Drive In 2021 chega para falar de pandemia, ciência e inovação aliado a muita arte e diversão. Afinal, a ideia é atingir crianças, jovens e também os marmanjos com conteúdos densos, porém transmitidos de forma leve e didática.

Com amplitude que pretende ser nacional, o evento já tomou conta da internet com vídeos exibidos todas às segundas, quartas e sextas-feiras, sempre a partir das 19h nos canais: Instagram @voxelfestival e @spectrumbsb e em https://www.voxelfestival.com/ . Gratuito. Livre para todos os públicos.

Nos vídeos, experimentos e rotina de pesquisa em laboratório são exibidos de forma simples. Também são promovidos debates e discussões acerca de temáticas atuais, como a participação das mulheres na ciência e, ainda, o quadro Cachscience, nome que vem da mistura de cachaça e ciência e que, em formato de happy hour on-line e casual, discute de forma descontraída temas diversos que permeiam ciência e tecnologia. Este quadro é apresentado sempre as sextas-feiras, às 19h, pelo apresentador e idealizador do Voxel, Victor Mello. Tudo isso e muito mais poderá ser conferido no Voxel on-line, no YouTube, que se prepara para estrear em formato drive-in após a contenção da pandemia.  

“Nossa ideia é estrear em junho em formato drive-in no Campus da UnB de Ceilândia. Íamos estrear em março mas, devido ao aumento de casos de infecção pelo coronavírus, adiamos. Enquanto isso, venham conferir uma prévia do que será o nosso Festival”, convida Victor Mello.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Voxel on-line irá até junho de 2021 – quando deverá ser realizado o evento em drive-in–  apresentar quadros na internet que pretendem debater ciência e tecnologia de forma leve e divertida. Para isso, a cada semana os cientistas irão convidar mulheres e personalidades da ciência para falar sobre temas de extrema necessidade.

“Não tínhamos planejado fazer o Voxel on-line, mas estamos muito felizes com a recepção. Há vídeos com mais de 5 mil visualizações. E mesmo depois da nossa apresentação em drive-in, pretendemos continuar com a edição on-line divulgando ciência de qualidade de forma lúdica para o público”, conta Victor animado.

Programação na internet – quadros

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segunda-feira: Segunda com Spoiler – Nesse quadro são apresentados trechos de debates que serão exibidos junto a filmes no evento de junho em formato drive-In. Os trechos apresentam os debatedores que fazem parte do Voxel Festival e mostram cortes e partes relevantes. Também são exibidas parte das temáticas atuais como mulheres na ciência, uso da nanotecnologia no dia-a-dia, importância da ciência na cultura pop e outros. Dentre os filmes que serão exibidos na edição em drive-in, em junho, A Teoria de TudoPlaneta dos Macacos – a OrigemHer,Jurassic Park, e Interestelar

“Estes filmes trazem importantes debates como o de testes em animais, bolha algorítmica em redes sociais, clonagem e modificação de DNA. E explicaremos tudo de forma didática”, pontua Victor.

Quarta-feira: Voxel Labs – São vídeos que mostram experimentos e a rotina de laboratórios de pesquisa de forma descomplicada. O objetivo é emergir o expectador no mundo da pesquisa e desenvolvimento e, ao mesmo tempo, desmistificar o dia a dia do cientista ao explicar e mostrar como funcionam os equipamentos e como são feitos os experimentos que resultam em avanços para a sociedade.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sexta-feira: Cachscience – Quadro mais descontraído e criado especialmente para o Voxel on-line, o Cachscience vem da mistura de Cachaça e Ciência (Science). A ideia é misturar estes dois elementos ao apresentar temas diversos que permeiam ciência e tecnologia de forma descontraída e casual enquanto se faz drinks. No quadro, o apresentador e idealizador Victor Mello convida amigos e colegas de trabalho para um happy hour on-line.

Sobre o Voxel-

Idealizado em 2018, o Voxel Festival sempre prezou pela divulgação da inovação científica feita por jovens pesquisadores dentro da Universidade de Brasília. Agora, em edição única e especial, o evento tomou força e chega em formato on-line para preservar o distanciamento social e também colocar uma pitada de cultura e humor. 

A ideia é apresentar para a sociedade laboratórios de ponta e o tipo de pesquisas que são feitas no Distrito Federal, além mostrar o método científico de forma simples, criativa, didática e acessível. Tudo para a valorização da ciência, tecnologia, inovação e criatividade.  “Vamos falar sobre ciência, mas os alunos às vezes acham esta temática pura chata. Então, queremos falar de forma leve, inclusiva. Por isso, nesta edição que irá se estender para o Campus da UnB, promoveremos ainda shows e apresentações diversas para motivar os jovens e as crianças”, destaca o idealizador Victor Mello. Após a contenção da pandemia da COVID-19, o evento irá estrear em junho de 2021 em formato drive-in no Campus da UnB de Ceilândia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Fake news – Dentro da programação, o Voxel Festival 2021 vai dar dicas de como “não cair em fake news”. Os cientistas chamam a atenção para o crescimento da disseminação de conteúdos enganosos das fake news, inclusive sobre questões de saúde. Para eles, isso é preocupante porque pode comprometer diretamente a vida das pessoas. “A propagação de notícias falsas na saúde ganhou ainda mais amplitude com a pandemia da Covid-19. O combate às fake news na saúde é um grande desafio. Lutar contra essa pandemia de mentiras é dever dos cientistas e pesquisadores que precisam se posicionar com conteúdo científico de qualidade para população”, reforçam os cientistas e organizadores.






Você pode gostar