Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Entretenimento

Mostra de filmes europeus gratuita vai até domingo, 22

Em cartaz até domingo, 22, a Mostra de Cinema Europeu 2022 está com 11 filmes disponibilizados para exibição, de forma gratuita e online

Foto|Divulgação

Por Alexya Lemos e Bernardo Guerra
Agência de Notícias do CEUB|Jornal de Brasília

Como parte da Semana da Europa, realizada pela rede de institutos europeus de cultura, EUNIC, os longa-metragens escolhidos foram premiados em festivais internacionais como Cannes, Goya e Prêmios César, dentre outros, e abordam o tema central “Direitos Humanos e Audiovisual de Impacto”.

Para ter acesso aos filmes, basta acessar a aba “Mostra de Cinema”, no site da Semana da Europa. Todas as 11 obras estão disponibilizadas para serem assistidas conforme o público desejar, sem cronograma ou limite de quantidade de exibições. 

Os filmes em exibição

Un Monde / Playground

Sob a direção de Laura Wandel, o longa-metragem belga, Un Monde, ou Playground, acompanha Nora, uma garota de sete anos, que entra em um dilema ao presenciar seu irmão, Abel, sofrendo bullying na escola. Sem saber o que fazer, a jovem tenta avisar seus pais, mas é forçada pelo próprio irmão a ficar calada. 

Lançado em 2021 e vencedor de 23 prêmios em festivais internacionais, incluindo o de melhor filme da Un Certain Regard – mostra de filmes realizada paralelamente à seleção oficial do Festival de Cannes -, o drama tem 72 minutos de duração, e classificação indicativa de 14 anos.

Nico

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Nico e Rosa estão aproveitando o verão juntos em Berlim, quando um ataque motivado por racismo traumatiza a cuidadora de idosos e lhe tira de seu cotidiano pacato. Sem conseguir descansar, ela decide que nunca mais será vítima de nada e começa a treinar com um campeão mundial de caratê. Esse é o enredo de Nico, um drama alemão dirigido por Eline Gehring.

Este é o primeiro filme de longa duração da diretora, o qual lhe rendeu o prêmio de Melhor Longa-Metragem de Estreia, no Biberach Filmfestspiele, Festival de Cinema de Biberach, na Alemanha. A classificação indicativa da obra é de 14 anos, e sua duração é de 75 minutos.

Campeones / Campeões

Com uma indicação ao Oscar em seu currículo, pelo curta-metragem Binta y La Gran Idea, em 2004, o diretor espanhol Javier Fesser é o responsável pela comédia dramática lançada em 2018, Campeones. O longa-metragem ganhou 13 prêmios em festivais internacionais, incluindo o de melhor filme no Prémios Goya, em 2019. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ao longo de suas duas horas de duração, a trama acompanha Marco, um treinador de basquete que é sentenciado a prestar serviço comunitário, sendo obrigado a treinar uma equipe de jogadores com deficiência mental. A classificação indicativa da obra é de 14 anos.

Chuva é Cantoria na Aldeia dos Mortos

Produção luso-brasileira, Chuva é Cantoria na Aldeia dos Mortos é inspirado em eventos reais, explorando como as tradições antigas dos povos indígenas são destruídas por negligência do governo. A paulista Renée Messora e o português João Salaviza são os diretores da obra, que venceu o Prêmio Especial do Júri no Festival de Cannes, em 2019.

O longa-metragem tem o jovem Ihjãc, do povo Krahô – aldeia localizada em Pedra Branca, no interior do Brasil – como foco. O espírito de seu falecido pai lhe surpreende um dia com uma visita, assim, o jovem se sente na obrigação de organizar uma festa de fim de luto, cerimônia tradicional de sua comunidade.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O filme, lançado em 2018, mescla documentário e ficção em seus 114 minutos de duração A classificação indicativa da obra é livre para todos os públicos.

La Vita Facile / Easy Living

Dirigido e escrito por Orso Miyakawa e Peter Miyakawa, La Vita Facile é o primeiro longa-metragem de ambos os irmãos monegascos. A comédia italiana, lançada em 2019, retrata a realidade dramática e contemporânea dos migrantes, através dos olhos de uma criança.  

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Aos 14 anos de idade, uma criança, juntamente com uma jovem que contrabandeia medicamentos pela fronteira da Itália com a França e um professor americano de tênis que sonha em ser pintor, conhecem um imigrante ilegal. Todos se juntam para criar um plano absurdo na tentativa de ajudá-lo a atravessar a fronteira ilegalmente.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O longa-metragem tem 93 minutos de duração e classificação indicativa de 12 anos.

Gods of Molenbeek

Realizado em uma parceria entre Finlândia, Bélgica e Alemanha, Gods of Molenbeek é um documentário, lançado em 2019, sob a direção da finlandesa Reetta Huhtanen. A trama circula em torno da religião e da amizade, com enfoque no distrito de Molenbeek-Saint-Jean, em Bruxelas, capital da Bélgica. 

Protagonistas do documentário, os jovens Aatos e Amine, de seis anos, se aventuram pelo distrito de Molenbeek – considerado a capital do jihadismo para alguns – à procura de respostas para as grandes questões da vida. Após um ataque terrorista na vizinhança, um dos garotos começa a questionar sobre seus deuses, com inveja da forte crença do amigo e, simultaneamente, com uma colega de turma tentando convencê-lo de que qualquer pessoa que acredita em um deus, é maluca.

Com 73 minutos de duração, o longa-metragem tem classificação indicativa de 10 anos.

Missä tiet kohtaavat/ People we come across

Na África Ocidental, Anu Kantele, médico de doenças tropicais, está liderando um estudo de vacina contra a diarreia que pode salvar a vida de milhões de crianças. Quando 700 turistas finlandeses prestativos testam a vacina, é o início de uma viagem de férias única nos trópicos. Um filme sobre ajuda e encontros humanos.

Dirigido pela finlandesa Mia Halme, o documentário de uma hora e vinte minutos é livre para todos os públicos.

Animal

Bella e Vipulan têm 16 anos, uma geração convencida de que seu futuro está ameaçado. Mudanças climáticas, 6ª extinção em massa de espécies. Em 50 anos seu mundo pode se tornar inabitável.

Eles podem alertar, mas nada realmente muda. Então eles decidem voltar à fonte do problema: nosso relacionamento com o mundo dos vivos. Ao longo de uma jornada extraordinária, eles entenderão que estamos profundamente ligados a todas as outras espécies. E que, ao salvá-los, também nos salvaremos. O ser humano acreditava que podia se separar da natureza, mas ele é a natureza. Ele também é um animal.

O documentário francês de uma hora e quarenta minutos tem classificação indicativa livre.

Sanremo

O filme apresenta Bruno (Sandi Pavlin) e Duša (Silva Cusin) dois idosos que sofrem de demência e vivem seus dias reclusos em uma casa de repouso em uma região afastada dos grandes centros. Eles possuem uma harmonia nítida e a cada vez que se veem parece que é a primeira vez. A única ligação forte que eles possuem é uma canção antiga que fora exibida em uma festival que ambos foram na juventude.

O drama do bósnio Miroslav Mandic tem classificação indicativa de 10 anos.

The 8th

The 8th tells the story of Irish women and their fight to overturn one of the most restrictive abortion laws in the world. After a 35-year struggle, the pro-choice side must radically shift tactics to try to bring this historically conservative electorate over the line.

O 8º traça a campanha da Irlanda para remover a 8ª Emenda – uma proibição constitucional do aborto. Mostra a transformação de um país de um Estado conservador em detrimento da igreja católica para uma sociedade secular mais liberal.

O longa inclui vozes de ambos os lados do debate, mas seu foco principal está nas dinâmicas líderes femininas da campanha pró-escolha. O filme segue a veterana ativista Ailbhe Smyth e a auto-descrita ativista de glitter Andrea Horan enquanto traçam uma estratégia ousada de ativismo popular e projetam o impossível. Esta história dramática é sublinhada por uma exploração vívida dos fracassos que levaram a este momento decisivo na história irlandesa.

O documentário de uma hora e meia tem classificação livre.

Corpus Christi

Daniel experimenta uma transformação espiritual em um centro de detenção. Embora seu registro criminal o impeça de concorrer ao seminário, ele não tem intenção de desistir de seu sonho e decide administrar a paróquia de uma cidade pequena.

O drama polonês de Jan Komasa tem duas horas e classificação indicativa de 16 anos.

Supervisão de Luiz Claudio Ferreira








Você pode gostar