Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Entretenimento

Courtney Love diz que Johnny Depp a salvou de overdose e ajudou Frances Bean

A cantora comentou também da ajuda a sua filha e afirmou: “ela me disse quando tinha 13 anos: ‘Mamãe, ele salvou minha vida”

Por FolhaPress 23/05/2022 10h43
A cantora comentou também da ajuda a sua filha e afirmou: “ela me disse quando tinha 13 anos: 'Mamãe, ele salvou minha vida” Foto/Reprodução

Desde o início do julgamento entre Johnny Depp, 58, e sua ex-esposa Amber Heard, 36, a cantora Courtney Love, 57, demonstrou apoio ao ator de Hollywood. Segundo ela, o artista já salvou sua vida após uma overdose no ano de 1995, na discoteca The Viper Room.

“Eu realmente não quero fazer julgamentos publicamente. Eu só quero dizer que Johnny me deu RCP em 1995 quando eu tive uma overdose do lado de fora do The Viper Room”, disse ela em um vídeo, reproduzido pelo site Page Six.

Na época, ela sofria com a perda de seu marido, Kurt Cobain. Ela também relembrou que o ator escreveu uma carta para sua filha de 13 anos, Frances Bean, que lidava com a morte prematura do pai e o vício da mãe. “Johnny, quando eu estava usando crack e Frances estava tendo que sofrer com todos esses assistentes sociais, escreveu para ela uma carta de quatro páginas que ela nunca me mostrou.”

“Então ele enviou limusines para a escola dela, onde todos os assistentes sociais estavam rastejando, novamente, sem serem solicitados, para que ela e todos os seus amigos fossem para ‘Piratas [do Caribe]'”, continuou.

Love ainda disse que o ator ajudou muito a vida de sua filha. “Eu nunca vi um daqueles filmes de piratas, mas [Frances] os adorou. Você sabe, ela me disse quando tinha 13 anos: ‘Mamãe, ele salvou minha vida”, finalizou a artista.








Você pode gostar