Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Cinema

Sala de cinema da Embaixada da França transmite filmes sobre crise familiar

Sessões são grátis. Programação do mês de agosto conta com cinco filmes, começando nesta quarta-feira (3)

Reprodução

No mês de agosto, a Sala Le Corbusier da Embaixada da França em Brasília recebe o ciclo de longas-metragens com o tema “Família em Crise”. Seja com uma grande história de superação, um forte desafeto ou uma jornada de autoconhecimento, esses filmes abordam as dificuldades da vida em família.

A sala Le Corbusier é o ponto de encontro dos amantes do cinema francófono. As sessões acontecem sempre às quartas-feiras e são gratuitas. A sala voltou a 100% da sua capacidade, com 120 lugares disponíveis. O uso da máscara não é obrigatório, mas
segue recomendado.

Confira a programação:

À Beira da Loucura (03/08)
De Audrey Diwan. 2019. França.
Com Céline Sallette, Pio Marmaï.
1h35 min. Drama. 16 anos.

Roman ama Camille tanto quanto ama suas duas filhas. Mas ele esconde de todos um sério problema de vício, que pode colocar em risco quem ele mais ama. O amor tem chance quando a confiança é quebrada?

Volta (10/08)
De Jessica Palud. 2019. França.
Com Niels Schneider, Adèle Exarchopoulos.
1h17 min. Drama. 14 anos.

Um homem de trinta e poucos anos retorna à fazenda rural de sua infância e se junta à luta familiar para sobreviver.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Meu Legionário (17/08)
De Rachel Lang. 2021. Bélgica, França.
Com Louis Garrel, Camille Cottin.
1h47 min. Drama. 16 anos.

Nika é uma jovem na casa dos 20 anos, que deixa a Ucrânia para acompanhar o namorado Vlad, um soldado enviado a um acampamento militar na Córsega. Lá, ela conhece Céline, casada com o comandante Maxime, e que a conduz pelo mundo
codificado das esposas dos militares. Enquanto Vlad se torna obcecado pela vida de legionário, Nika e Céline sofrem com a distância e o sacrifício daquilo que esperavam de uma vida familiar tradicional.

Enorme (24/08)
De Sophie Letourneur. 2019. França.
Com Marina Foïs, Jonathan Cohen.
1h38 min. Comédia. 14 anos.

Claire é uma pianista famosa, vivendo com o marido e agente Frédéric. Depois de presenciar um parto de emergência durante um vôo, ele se torna obcecado pela ideia de ter um filho, embora a esposa não queira.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

DNA (31/08)
De Maïwenn. 2021. França.
Com Fanny Ardant, Louis Garrel, Maïwenn.
1h30 min. Drama. 14 anos

Neige, divorciada e mãe de três crianças, visita regularmente Emir, seu avô argelino, vivendo agora num asilo para idosos. Ela adora e admira aquele que exerce o papel de sustentáculo da família, o homem que a criou e que sobretudo a protegeu da atmosfera tóxica que marcava o relacionamento com os pais. As relações entre os muitos integrantes da família são complicadas e a morte do avô acabará por desencadear uma tempestade familiar e uma profunda crise de identidade em Neige.

Serviço
Cinema – Sala Le Corbusier

Quartas-feiras de agosto
19h (entrada permitida até 19h15) – Gratuito
Endereço: SES Av. das Nações – Quadra 801 – Lote 04

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar