fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Entretenimento

Breno Alves se apresenta no Sextas Musicais

Depois de ser premiado em relevante concurso internacional, jovem pianista de 17 anos toca no palco do Casa Thomas Jefferson Hall

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

A paixão pela música vem da infância, e foi também nessa fase da vida que Breno Alves, hoje com 17 anos, encontrou o piano. De lá para cá, nunca mais se separaram. O brasiliense foi premiado recentemente com a medalha de bronze pelo desempenho excepcional no 2nd WPTA Finland International Piano Competition, renomado concurso no qual competiram centenas de pianistas de quarenta países. O jovem pianista traz o talento, lapidado na Escola de Música de Brasília pelo professor Remo de Oliveira, ao projeto Sextas Musicais. Diretamente do palco do CTJ Hall, no dia 31 de julhoa partir das 20h, Breno Alves toca para a live streaming transmitida pelo canal do YouTube da Casa Thomas Jefferson. No programa do recital solo, o musicista apresenta peças de Villa-Lobos, Carmargo Guarnieri, Claudio Santoro, Enrique Granados, Mozart, Chopin, Bach, Debussy e Liszt. “Espero demonstrar a minha interpretação de cada peça, assim como levar ao público as intenções de cada compositor”, adianta o pianista.

O repertório de Breno Alves ao piano é vasto. Atualmente, ele dedica-se, também, ao estudo e à interpretação das obras de consagrados compositores, brasileiros e clássicos. Breno tem um grande interesse pela música popular brasileira, e já esteve no palco ao lado de ícones como Hamilton de Holanda. Além da grande conquista do WPTA Finland International Piano Competition, em 2020, Breno também trouxe para Brasília, em sua curta carreira, conquistas em diversos certames importantes do Brasil. O pianista venceu os concursos de piano em Uberlândia, MG; Campinas, SP; foi laureado em segundo lugar no tradicional Concurso de Piano Souza Lima, SP, dentre outros. Sobre o feito internacional recente ele revela que foi uma grande surpresa e se diz feliz não apenas com o resultado em si, mas também com o aprendizado que essa experiência única trouxe. “O que trilhei até chegar à medalha impactou muito a minha música, de forma positiva, é claro. Devido à pandemia, fiz as provas por vídeo. Gravei inúmeras vezes para escolher a melhor performance. Para mim, como pianista, sempre tem um jeito de melhorar a interpretação, e essa busca será meu objetivo nos estudos”, aponta.

É uma busca incansável, é sempre uma superação de si mesmo e das capacidades que o piano permite o pianista de utilizar. Os professores da Escola de Música de Brasília se impressionam com a desenvoltura de Breno diante do instrumento, com a rapidez em aprender e com a quase inacreditável facilidade em decorar peças musicais desafiadoras. Remo de Oliveira é professor de piano na EMB há três décadas e acompanha o pianista há seis anos. O tutor detalha que Breno fechou os programas Básico e Técnico da EMB em pouco tempo e, atualmente, apesar de cursar o nível T5 (técnico 5) da Escola, faz programa de Graduação Superior em piano. “O repertório de Breno é de grandes pianistas. Até hoje, depois de tanto tempo o acompanhando, ele me surpreende com a excepcional capacidade técnica e de interpretação. Breno demonstra grande amor pela música, muita disciplina, talento, boa orientação e apoio da família”, diz o professor, sem esconder o orgulho.

Os pais de Breno são professores da Rede Pública de Ensino e ele é aluno de uma Escola Pública, no Gama. O pupilo do professor Remo de Oliveira fala inglês, espanhol e está estudando francês. “É um dos melhores alunos da Escola Regular e da Escola de Música. Tudo isso, com 17 anos”, acrescenta Oliveira. De acordo com ele, a escola brasileira de piano é muito respeitada no mundo, assim como as escolas da Europa e dos EUA. O tutor pondera que, infelizmente, a música erudita é mais restrita no Brasil, e que o piano erudito é mais restrito ainda. Mas, apesar de todos os entraves, lembra o professor, o País tem uma grande tradição de presentear o mundo com pianistas excepcionais. “Hoje, temos o Nelson Freire, um dos maiores da história e que muito honra a escola brasileira de piano. Nossa lista de grandes pianistas talvez seja mais reconhecida lá fora. Como professor, é uma realização imensurável saber que pude participar da evolução deste jovem talento, que é o Breno”, exalta.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

PROGRAME-SE

Live Streaming SEXTAS MUSICAIS – BRENO ALVES

live streaming poderá ser acessada no YouTube da Casa Thomas Jefferson: https://www.youtube.com/user/ctjonline

Data: Sexta-feira, 31 de julho, 20h

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Classificação indicativa: Livre




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade