fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Economia

Petrobras adia pagamento de R$ 1,7 bilhão de dividendos por causa da covid-19

Pagamento dos dividendos, sujeitos à deliberação dos acionistas, será postergado do dia 20 de maio para o dia 15 de dezembro, informou a estatal em fato relevante.

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

A Petrobras anunciou o adiamento do pagamento de R$ 1,7 bilhão de dividendos por causa da covid-19. O pagamento dos dividendos, sujeitos à deliberação dos acionistas, será postergado do dia 20 de maio para o dia 15 de dezembro, informou a estatal em fato relevante.

“A postergação do pagamento dos dividendos é uma das medidas adotadas pela companhia para a preservação de seu caixa, em função da pandemia do Covid-19 e do choque de preços de petróleo”, informou a Petrobras.

Esses dividendos são remanescentes do resultado de 2019.

Além disso, a Petrobras anunciou o adiamento de sua assembleia geral ordinária (AGO) do dia 22 para o dia 27 de abril.

Estadão Conteúdo


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade