fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Economia

Parcela que vai investir 13º em 2020 é maior que 2019, mas maioria pagará dívidas

A sondagem ainda mostrou que 19% vão guardar entre 30% e 50% do 13º e 18% vão guardar até 30% do valor

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Os consumidores consultados pela Boa Vista, empresa que aplica inteligência analítica na transformação de informações para a tomada de decisões em concessão de crédito e negócios em geral, irão usar o 13º salário de 2020 para quitar dívidas deste ano. O porcentual é de 29%, menor, contudo, do que em 2019 (33%)

Por outro lado, a parcela de consumidores que vai investir os recursos subiu de 22% para 25% nos dois anos. Já a fatia que vai guardar o dinheiro para pagar contas no início de 2021, como IPTU e IPVA, passou de 26% em 2019 para 27% em 2020. A Boa Vista entrevistou cerca de 600 consumidores em todo o Brasil.

O restante pretende usar o 13º com viagens (5% ante 7% em 2019), para compras de móveis e eletrodomésticos (5% ante 3% em 2019), compra de produtos para ceia de Natal (3% ante 4% em 2019), compra de roupas e acessórios (3% ante 2% em 2019), presentes (2%, mesmo porcentual do ano anterior) e comprar eletrônicos (1%, mesma fatia do ano anterior).

A Boa Vista também questionou quanto do 13º os consumidores pretendem poupar. Segundo a pesquisa, 38% responderam que querem guardar de 51% a 100% do benefício. Essa fatia era de 31% em 2019. Em seguida, 25% disseram que não pretendem poupar nada, uma queda ante a parcela de 31% do ano anterior.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A sondagem ainda mostrou que 19% vão guardar entre 30% e 50% do 13º e 18% vão guardar até 30% do valor.

Estadão Conteúdo

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade