fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Economia

Nascidos em setembro e outubro recebem auxílio emergencial nesta sexta

Caixa realiza primeiro o depósito em poupança digital, que servirá para pagar contas e fazer compras pelo aplicativo Caixa Tem

Avatar

Publicado

em

Foto: Reprodução
PUBLICIDADE

Os beneficiários nascidos em setembro e outubro recebem o auxílio emergencial nesta sexta-feira (3). Serão 6,8 milhões de pessoas, entre elas, 5,1 milhões terão a terceira parcela depositada em conta poupança e 1,5 milhão receberá a segunda parcela. Por fim, o último lote de pessoas, que totaliza 200 mil beneficiários, receberá a primeira parcela de R$ 600.

Como medida para evitar aglomerações, a Caixa Econômica Federal dividiu os beneficiários de acordo com a data de nascimento. Um cronograma foi criado para determinar a data de recebimento de cada grupo. Além disso, a Caixa realiza primeiro o depósito em poupança digital, que servirá para pagar contas e fazer compras pelo aplicativo Caixa Tem. Somente a partir de 18 de julho começa o calendário para saque em dinheiro.

Segue abaixo o cronograma do Auxílio Emergencial para depósito em conta poupança:

Pagamento terceira parcela (1º lote), segunda parcela (2º lote) e primeira parcela (4º lote)

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sábado (27 de junho) – nascidos em janeiro e fevereiro (6,5milhões)
Terça-feira (30 de junho) – nascidos em março e abril (6,9 milhões)
Quarta-feira (1º de julho) – nascidos em maio e junho (6,9 milhões)
Quinta-feira (2 de julho) – nascidos em julho e agosto (6,8 milhões)
Sexta-feira (3 de julho) – nascidos em setembro e outubro (6,8 milhões)
Sábado (4 de julho) – nascidos em novembro e dezembro (6,5 milhões)

Segue abaixo o calendário para saques em dinheiro:

Pagamento terceira parcela (1º lote), segunda parcela (2º lote) e primeira parcela (4º lote)

Sábado (18 de julho) – nascidos em janeiro (3,4 milhões)
Sábado (25 de julho) – nascidos em fevereiro (3,1 milhões)
Sábado (1º de agosto) – nascidos em março (3,5 milhões)
Sábado (8 de agosto) – nascidos em abril (3,4 milhões)
Sábado (15 de agosto) – nascidos em maio (3,5 milhões)
Sábado (29 de agosto) – nascidos em junho (3,4 milhões)
Terça-feira (1º de setembro) – nascidos em julho (3,4 milhões)
Terça-feira (8 de setembro) – nascidos em agosto (3,4 milhões)
Quinta-feira (10 de setembro) – nascidos em setembro (3,4 milhões)
Sábado (12 de setembro) – nascidos em outubro (3,4 milhões)
Terça-feira (15 de setembro) – nascidos em novembro (3,2 milhões)
Sábado (19 de setembro) – nascidos em dezembro (3,3 milhões)

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Inicialmente o governo determinou o pagamento de três parcelas de R$ 600. No entanto, nesta semana, o governo oficializou mais duas parcelas, também de R$ 600. O valor sobe para R$ 1.200 nos casos de mães responsáveis pelo sustento da família. O prazo para solicitar o pagamento do benefício foi encerrado nessa quinta-feira (2). As pessoas em processo de análise que forem aprovadas poderão receber as cinco parcelas do auxílio.


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade