fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Economia

Festa de fim de ano leva à demissão do presidente de multinacional no Brasil

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Um concurso de fantasia durante uma festa de fim de ano, na filial brasileira da multinacional Salesforce, levou à troca no comando da subsidiária, após as comemorações em dezembro passado. A empresa produz softwares para empresas como Embraer, iFood e SulAmérica.

O concurso foi promovido pela área de recursos humanos, que ofereceu premiação de R$ 3 mil em dinheiro aos três melhores colocados. A votação aconteceu entre os 250 participantes da festa.

De acordo com reportagem do jornal Folha de São Paulo, um dos funcionários da área de vendas resolveu fantasiar-se como um meme popular que circula em aplicativos de mensagens, chamado popularmente de  “Negão do WhatsApp”. O traje era composto por uma camisa azul, uma toalha no ombro e um chapéu rosa. Ele ainda improvisou uma prótese para imitar o pênis do personagem.

O rapaz ficou em quarto lugar no concurso. Uma foto em que ele aparece no centro e sob a companhia do diretor comercial e de outras dez pessoas, chegou à matriz da multinacional, localizada na cidade de San Francisco, Califórnia, na Costa Oeste dos EUA.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A imagem foi suficiente para deflagrar uma séria crise. As versões, conforme a Folha, divergem. Uma delas diz que a direção teria pedido a demissão do funcionário, mas o diretor comercial da filiar tentou negociar para mantê-lo no cargo , afirmando que o Brasil é um país de pessoas mais liberais.

A matriz, então, teria decidido demitir também o diretor comercial. Na sequência, o presidente da multinacional no Brasil tentou intervir, argumentando que seria uma punição exagerada, pois aquilo era apenas uma brincadeira.

As negociações não surtiram efeito. Então, além do funcionário e do diretor, o presidente também foi demitido. Dois funcionários que se fantasiaram como os personagens principais do filme “As Branquelas”, produção de 2004 em que dois policiais negros se disfarçam de duas jovens brancas, foram suspensos até segunda análise. A Salesforce confirmou os desligamentos.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade