fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Economia

Devo confiar nas opções binárias e criptomoedas na hora de investir?

Avatar

Publicado

em

criptomoedas
PUBLICIDADE

É normal ficar com pé atrás com qualquer coisa que venha da internet, especialmente se você não é um dos chamados nativos digitais, as pessoas que desde pequenas estão acostumadas a navegar online e mexer em aparelhos tecnológicos. As notícias de fraudes e golpes são numerosas.

Mas o estabelecimento do ecommerce e seu crescimento exponencial nos últimos anos no mundo inteiro, inclusive o Brasil, mostram que há espaço para negócios sérios e potencial para empresas crescerem e pessoas ganharem dinheiro. E isso se aplica também para o mundo do mercado financeiro.

As mudanças que as fintechs – startups do mercado financeiro – trouxeram são inegáveis, quando se trata de microcrédito. E as criptomoedas e opções binárias se tornaram opções de investimento para muitas pessoas que buscam retornos grandes, sabendo lidar com os riscos altos também.

Mas quando se trata desses dois produtos, há ainda mais desconfiança. O fato de não serem regulados pelo Banco Central causa dúvidas e mais notícias de ataques virtuais também não ajudam. Aqui o conselho é o mesmo de sempre: com precaução e informação, tudo fica mais claro.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

É fato que existem roubos de criptomoedas perpetrados por hackers e essas moedas, com o Bitcoin sendo a mais famosa delas, realmente não são reguladas por um Banco Central. Mas isso é um argumento positivo, já que não está na mão de políticos a decisão de valorizar ou desvalorizar elas simplesmente imprimindo mais moeda ou outras ações via canetadas.

O que chama tantas pessoas para as criptomoedas e opções binárias são seus retornos muito altos em um curto espaço de tempo, o que é muito positivo para investidores que tem uma carteira diversificada e podem arcar com as quedas e esperar pelos dias de alta.

E eles sempre chegam: o Bitcoin passou de US$ 100 em 2011 para mais de US$ 6.200 hoje, com um pico superior a US$ 17 mil no fim de 2017. Já as opções binárias trazem um retorno de 70% a 90% do investido se sua aposta por alta ou queda for a correta.

Para quem não conhece tanto sobre opções binárias, aqui vai um pequeno tutorial: essa é uma forma de investimento similar à bolsa, já que você aposta em uma commodity. Porém, ao contrário da Bolsa, onde o ganho ou perda é proporcional à movimentação do ativo, nas opções binárias você tem a opção de apostar se o valor sobe ou desce em um determinado espaço de tempo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Se você acerta, seja porque subiu um centavo ou US$ 100 no valor, você ganha a porcentagem mencionada sobre seu investimento. Se cair 0,01% ou 8%, você perde seu valor investido.

O que devo procurar antes de investir em criptomoedas ou opções binárias?

O primeiro de tudo, informação. Então se informe exatamente sobre o que é blockchain, como funcionam os softwares para acompanhar as movimentações e leia relatos de investidores.

Segundo, confie em plataformas de nome. Há várias delas como a IQ Option, Olympic Trade e muitas outras que permitem que você faça as transações, acompanhe as movimentações e inclusive oferecem tutoriais para ajudar na conscientização do investidor.

E por fim, estar com a cabeça no lugar certo. Nunca é positivo chegar para investir pensando que vai ficar rico, ignorando riscos e colocando sua vida financeira em perigo. Informe-se e diversifique, para nenhuma tempestade te atingir em cheio.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Seguindo essas medidas, fazer um investimento em criptomoedas e opções binárias se transforma em algo normal, assim como comprar títulos do tesouro ou ações. Sempre tendo a ideia em mente de que o risco é grande, mas a recompensa também.
Fonte: Guia Completo de Opções Binárias: https://opcoesbinariasguru.com/guia-completo


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade