Siga o Jornal de Brasília

Concursos & Carreiras

Publicado edital do concurso IBGE 2019 para 209 vagas

As oportunidades no concurso IBGE 2019 (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) são para os cargos de agente censitário municipal (4 postos), agente censitário supervisor (25) e recenseador (180). Iniciais de até R$ 2,1 mil

O IBGE 2019 (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) publicou, nesta terça-feira, 21 de maio, o edital de abertura de inscrições do seu novo concurso público para provimento de 209 vagas temporárias, autorizadas em 25 de março. Do total de postos, 4 são para o cargo de agente censitário municipal, 25 para agente censitário supervisor e 180 para recenceador, para quem possui níveis fundamental e médio, com iniciais de até R$ 2.100. As inscrições serão recebidas a partir desta quarta-feira, 22 de maio, com atendimento até 9 de junho.

No caso de recenseador, os interessados devem possuir ensino fundamental e a remuneração será variável de acordo com a produtividade, com jornada mínima recomendável de 25 horas semanais. Para agente censitário supervisor – experimental, a exigência é de ensino médio, com inicial de R$ 1.700, para jornada de 40 horas semanais. Para agente censitário municipal – experimental, exigência de ensino médio, com inicial de R$ 2.100, também com jornada de 40 horas semanais. Para todas as opções, o interessado não deve ter sido contratado como temporário do IBGE nos últimos 24 meses.

Para os agentes censitários, os selecionados também contarão com vale-alimentação e vale-transporte.

Os contratados atuarão no Censo Experimental, uma prévia para o Censo Demográfico 2020, que deverá abrir cerca de 250 mil oportunidades (leia mais sobre a previsão de novas vagas abaixo).

Saiba onde serão lotadas as vagas e prazos de contratos do concurso IBGE

Todas as oportunidades deste primeiro processo seletivo para temporários do IBGE serão destinadas para a cidade de Poços de Caldas, em Minas Gerais.

A duração dos contratos será de até dois meses para os recenseadores e até seis meses para os agentes censitários, renováveis a cada 30 dias.

Saiba como se inscrever no concurso para temporários do IBGE
As inscrições para o concurso de temporários do IBGE poderão ser feitas somente pela internet, na página eletrônica da banca organizadora, o Ibade, que é www.ibade.org.br.

Após preencher o requerimento da inscrição, os candidatos devem efetuar o pagamento da taxa, pela Guia de Recolhimento da União (GRU) nas agências do Banco do Brasil. As taxas são de R$ 25 para recenseador e R$ 42,50 para os agentes. O pagamento da taxa poderá ser feita até o dia 10 de junho.

Saiba como serão as provas do concurso IBGE 2019

A aplicação das provas objetivas do concurso IBGE 2019 estão marcadas para ocorrer em 21 de julho, às 13 horas, com duração de quatro.

Para recenseador serão 50 questões, sendo 15 de língua portuguesa, dez de matemática e 25 de conhecimentos técnicos. No caso de agentes serão 60, incluindo 15 de língua portuguesa, dez de raciocínio lógico, 15 de noções de administração geral/ situações gerenciais e 20 de conhecimentos técnicos. No caso de recenseador, os aprovados também serão submetidos a um treinamento específico.

Mais vagas

Vale lembrar que o órgão tem expectativa de liberação de mais 2.250 postos, garantindo um total de 2.459 postos, necessários para a realização do Censo Experimental. As demais oportunidades já estão contempladas no projeto básico do certame, utilizado como base para a elaboração do edital.

Além das 209, a expectativa é de que sejam autorizados mais 1.450 postos para coordenador censitário de subárea e 800 de agente censitário operacional.

No caso de coordenador e agente,que ainda dependem de nova autorização, a exigência é de ensino médio, com iniciais, respectivamente, de R$ 4.000 e R$ 1.800

Expectativa por novo concurso do IBGE 2019

A nova presidente do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, Susana Cordeiro Guerra, declarou, em 22 de fevereiro, durante seu discurso de posse, que pretende reorganizar o quadro de servidores do órgão, com a realização de concurso público, também cresce a expectativa pela autorização do processo seletivo para a contratação de temporários para a realização do Censo Demográfico 2020. O órgão já havia antecipado que pretende oferecer aproximadamente 250 mil vagas temporárias, com a estimativa de um orçamento equivalente a R$ 3,4 bilhões.

Várias vezes, ao longo do ano passado, o então presidente do órgão, Roberto Olinto, ressaltou a importância do censo e a necessidade da abertura do concurso para a contratação de pessoal. Com isto, as declarações da nova presidente revelam a intenção de priorizar a contratação de pessoal.

Em 2018, o então dirigente chegou a enfatizar que: “Temos feito um trabalho no Congresso Nacional para conscientizar senadores e deputados dos impactos causados em caso da não realização do Censo. Internamente, nós vamos continuar trabalhando para fazer o Censo”.

Em 2017, o então ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, chegou a comentar que trabalharia para garantir as verbas. “Batalharemos e buscaremos recursos necessários. Sem nenhuma sombra de dúvida, o Brail realizará o Censo Demográfico”, enfatizou.

O objetivo do órgão é coletar as informações em 2020 e já divulgar os dados no mesmo ano. Vale ressaltar que para que isso aconteça será necessário que o concurso IBGE seja realizado em 2019.

Saiba mais sobre o Censo Demográfico 2020

O cargo de destaque dos censos do IBGE sempre é de recenseador, que na seleção anterior contemplou 191.972 vagas e exigiu apenas nível fundamental completo. Os ganhos oferecidos para a função variam de acordo com o número de informações coletadas.

As demais funções necessárias para as pesquisas são as seguintes: agente regional, agente administrativo, agente municipal, agente de informática e agente supervisor.

O Censo compreendeu um levantamento minucioso de todos os domicílios do país. Nos meses de coleta de dados e supervisão, os recenseadores visitam milhões de domicílios nos 5.565 municípios brasileiros para colher informações sobre quem somos, quanto somos, onde estamos e como vivemos.

Último concurso do IBGE para o Censo Demográfico

Foi em 2010 que ocorreu o último censo realizado pelo instituto e na ocasião foram abertas mais de 200 mil vagas distribuídas em todo o país entre os cargos de recenseador, agente regional, agente administrativo, agente municipal, agente de informática e agente supervisor.

Os participantes do processo seletivo do IBGE passaram por provas objetivas com questões de múltipla escolha, de caráter eliminatório e classificatório, e, dependendo do caso, também por treinamento, de caráter eliminatório.

 

Publicidade
Publicidade
  • CHARGE DO DIA