fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Concursos & Carreiras

Escola Conquer está com vagas de trabalho abertas

Além das vagas para profissionais com experiência, startup de educação também quer dar chance aos jovens profissionais que estão iniciando no mercado de trabalho

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

A Conquer, escola de negócios da nova economia, está com várias oportunidades de trabalho abertas. A escola, que desde o início da pandemia passou de 25 mil para a marca de mais de 1 milhão de alunos, está ampliando a equipe, e no momento são 16  vagas em diferentes áreas. “Hoje, nosso objetivo é cada vez mais trazer para o nosso time profissionais que tenham autonomia e sejam criativos, independente de área de formação”, conta Ana Júlia Archer, gerente de Gente e Gestão da Conquer.

As vagas estão divididas entre a Escola e a Conquer Labs, braço de inovação da edutech, e vão desde nível júnior à gerência. Entre as oportunidades estão; gerente de marketing, analista de conteúdo, designer, customer experience, business intelligence, desenvolvedor, entre outras.

Os processos seletivos estão sendo realizados remotamente e, enquanto a startup estiver em regime de home office, as contratações serão também para atuação remota. Os horários de trabalho são semiflexíveis e, entre os benefícios estão plano de saúde, seguro de vida, vale refeição, day off no aniversário e bolsas integrais em todos os cursos da escola. “Nosso ambiente de trabalho é totalmente colaborativo e prezamos muito por pessoas que gostem de colocar a mão na massa e desenvolver novos projetos”, complementa Ana.

Desde o começo da pandemia, a escola mostrou o quanto tem um time alinhado com seus propósitos, e, em cerca de 72 horas transformou todo o seu conteúdo em online, pivotando o negócio e atingindo um número ainda maior de alunos. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Assim como no restante do mundo, a pandemia nos pegou de surpresa e tivemos que nos reinventar. Como nossas aulas eram presenciais, transformamos todo nosso conteúdo em material online num curto prazo de tempo. Aqui vale um agradecimento para o nosso time de profissionais, que mesmo trabalhando de forma remota, fez com que o momento de incerteza, se transformasse em novas diretrizes, sem prejudicar o conteúdo oferecido pela Conquer” , conta um dos fundadores da escola, Hendel Favarin.

Crescimento exponencial

Desde que nasceu, em 2016, a Conquer vem acumulando resultados positivos e um crescimento relevante. Logo no primeiro ano de atuação, a escola faturou R$ 1,2 milhão, com duas unidades; no segundo ano, R$ 7 milhões, e em 2019 o faturamento foi de R$ 23 milhões e 11 unidades. A estimativa para 2020, ano que transformou a história da Conquer, é de que o faturamento atinja a marca dos R$ 45 milhões. 

A escola, que inaugurou com o propósito de desenvolver as soft skills, ou seja, aquelas habilidades que vêm sendo cada vez mais exigidas pelo mercado de trabalho e não fazem parte do currículo de ensino tradicional, passou de quatro para 140 colaboradores. No início eram três professores e, atualmente, a escola conta com 850. Em quatro anos, a Conquer ofertou mais de 17 mil horas de aula e mais de 200 treinamentos in company.

“Nossa missão é promover uma revolução na educação. Trazer para as pessoas uma formação completa que contribuí para o sucesso profissional e pessoal do aluno. Acreditamos fortemente que o desenvolvimento pessoal é uma das ferramentas mais importantes para transformar a economia do país e trabalhamos cada vez mais arduamente para que isso aconteça”, finaliza Favarin. www.escolaconquer.com.br 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade