Siga o Jornal de Brasília

Entretenimento

Surreal: 3ª edição da festa acontece neste sábado

Beatriz Castilho
cultura@grupojbr.com

No próximo sábado (21), aniversário de Brasília, acontece um dos maiores eventos da R2 produções: a festa Surreal. Não há como negar, a escolha do nome caiu como uma luva. A definição de surreal já caracteriza bem o que o evento proporciona. Seja em valores de ingressos, estrutura ou referências na decoração, o evento busca superar a realidade – e os números – de outros eventos.

Tudo começou em 2016. A produtora queria criar uma grande comemoração para seu aniversário, que acontece em abril. Desde o início, a ideia era proporcionar um evento que superasse expectativas, sejam elas do tamanho que fosse. Bebida importada e comida assinada? ‘De graça’ e a qualquer momento. Precisa de manobrista? Estarão à disposição durante todo o evento. “Durante 10 horas de festa, ninguém precisa se preocupar em levar carteira, por exemplo”, explica Thais Martins, uma das gerentes de projetos responsáveis pela Surreal.

Após dois anos, a Torre de TV Digital (Lago Norte) foi novamente escolhida como local para o evento – selecionada por ser o pico mais alto da cidade. Mesmo acontecendo na capital, a festa espera receber quase metade do público de fora do quadradinho, a previsão é de que 47% sejam de fora.
“Com a Surreal, incluímos Brasília no circuito Jet-set. Ou seja, movimentamos o turismo e a economia da cidade já que esse circuito engloba pessoas que viajam para curtir essas festas”, afirma Thais.

As atrações do evento ainda são um mistério. A promessa é de que grandes referências do house e deep movimentem a pista principal. Além dessa área, outros dois segmentos exploram diferentes ritmos.

Thais conta que serão atrações menores revezando a cada 30 minutos, sem atrapalhar os sets maiores. Entre música e dança, os convidados podem comer o buffet principal assinado por chefs da cidade, e ainda explorar mini-hambúrgueres feitos com pão roxo, desenvolvidos para o evento.

Por trás das cortinas, a movimentação também é grande, e começa até um mês antes do dia da festa. São mais de 1,5 mil funcionários envolvidos no projeto, sendo 720 apenas no dia do evento. Só de carpete são 6.800 m². E até o número de guardas supera a média.

A R2 explica que o usual para o mercado de festas, é a média de 1 segurança para cada 100 pessoas. Na Surreal, além de câmeras de segurança, a média será de 1 para 90 – número justificado pela produtora por se tratar de um evento “‘Full Fucking Service’ e com público AAA”.

Interessado em ir? Prepare o bolso. Com ingresso custando R$ 2,6 mil, é necessário desembolsar quase dois salários mínimos (hoje em R$ 954) e meio para participar da comemoração.

Thais justifica que o valor representa a qualidade dos serviços disponíveis. “O preço é sobre cenografia, a imersão nos três ambientes, cada ambiente tem bebida diferente, por exemplo. Ninguém vai pagar para ir em só um show, é por tudo”. Surreal!

Publicidade
Publicidade
Publicidade
  • CHARGE DO DIA