Siga o Jornal de Brasília

Entretenimento

Seis programas da Globo perdem campanhas publicitárias da Havan

Para o dono da loja, Luciano Hang, alguns programas da emissora vão “contra os valores da família brasileira”

Willian Matos

Publicado

em

Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Da redação
redacao@grupojbr.com

Os telespectadores das atrações globais Bom Dia Brasil, Jornal Hoje, Jornal Nacional, Jornal da Globo, Malhação e Caldeirão do Huck não verão mais a marca Havan durante os intervalos destes programas. O dono da loja de departamentos, Luciano Hang, anunciou nesta quinta-feira (7) que irá retirar as campanhas publicitárias dos horários especificados.

A justificativa é que a Havan não compactua com o “jornalismo ideológico” que estaria fazendo a TV Globo. “Estamos sendo cobrados pela sociedade e nossos clientes”, afirma Hang.

“Enquanto esses programas prestarem um desserviço à nação e irem contra os valores da família brasileira, não voltaremos a anunciar.”

No entanto, as propagandas da Havan seguirão sendo veiculados em intervalos de programas locais (Santa Catarina) e redes afiliadas. Para o presidente da loja, estes “ainda informam a sociedade de forma mais isenta e conservadora.”

Hang associa a suposta programação ideológica da Globo com a política brasileira ao falar que “as eleições do ano passado mostraram que a grande maioria dos brasileiros quer mudanças”. “Juntos vamos mudar o nosso país. O Brasil que queremos só depende de nós”, finaliza o empresário, em nota.

Até a última atualização desta matéria, a Rede Globo não havia se pronunciado a respeito.


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade