Siga o Jornal de Brasília

Exposições

“Entreartes: uma exposição multissensorial” acontece em Brasília

Projeto abraça o duo diversidade e acessibilidade e questiona os limites entre as linguagens artísticas

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

O Entreartes: uma exposição multissensorial é um projeto desenvolvido pelo grupo de pesquisa e extensão Acesso Livre da Universidade de Brasília em colaboração com a Casa Thomas Jefferson de Brasília e com o apoio da Embaixada dos Estados Unidos da América. A exposição abre a programação no dia 30 de agosto às 18h, no CTJ Hall – Casa Thomas Jefferson – Asa Sul (SEPS 706/906), com um live painting de John Bramblitt ao som dos musicistas brasilienses Rodrigo Bezerra e Thanise Silva. A curadoria é de Helena Santiago.

Promover a participação de artistas, visitantes e equipe mediadora na construção de um espaço democrático e plural de fruição, criação e discussão artística é a proposta.

Artistas locais e internacionais com diversidade sensorial poderão expor trabalhos e dialogar sobre processos artísticos, além de oferecer oficinas para públicos diversos. John Bramblitt, renomado artista plástico estadunidense e único muralista cego do globo, estará presente sob os auspícios da Embaixada dos EUA. Bramblitt transforma a música em pintura e realizará workshops. Visitas mediadas para grupos serão realizadas.

O projeto segue os princípios da museologia social e tem como premissa questionar os limites entre as linguagens artísticas, estando a diversidade e acessibilidade para todas as pessoas no centro de todo o processo. A entrada é franca.

O objetivo da exposição Entreartes: é o de explorar o potencial do espaço expositivo para promover o envolvimento total do corpo numa experiência holística. Partindo da ideia de que o olhar retiniano é só uma possibilidade dentre outras que, longe de competir, se somam a ele, ora criando pontos de interseção ora de divergência perceptiva, serão exibidas obras que desafiam a separação entre linguagens e entre modos de existência. A proposta deste projeto é criar um espaço de encontro entre artistas locais, brasileiros e internacionais com e sem deficiência que trabalham com linguagens diversas e que, ao ensinar em oficinas inclusivas as técnicas que utilizam para criar, poderão incentivar outras pessoas a enveredar pelo caminho da arte e descobrir seu potencial criador independentemente de suas capacidades sensoriais.


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade