fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Eventos

Festival Internacional de Fotografia Brasília Photo Show bate novo recorde de inscrições

O Festival Internacional de Fotografia Brasília Photo Show (BPS) bateu novo recorde de inscrições e recebeu imagens incríveis de fotógrafos brasileiros e estrangeiros

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

A fotografia arrebata. É magia, uma arte que transporta, ecoa, conecta, congela, abraça, ressignifica. Fotografia é turbilhão! Quando ela capta o olhar do observador, um mundo de sensações se configura e a viagem começa. O Festival Internacional de Fotografia Brasília Photo Show (BPS) bateu novo recorde de inscrições e recebeu imagens incríveis de fotógrafos brasileiros e estrangeiros.

A edição 2019/2020 admitiu 13.500 trabalhos, 1.500 a mais do que o número de imagens inscritas na temporada passada. No sábado, 30 de novembro, autores dos registros vencedores recebem os prêmios e participam do lançamento do livro Brasília Photo Show 2019/2020. A nova coletânea contempla 400 fotos premiadas. Dos fotógrafos com trabalhos contemplados nesse livro, 20 levam para casa a estatueta do Festival Internacional de Fotografia Brasília Photo Show.

A cerimônia de entrega será reservada aos vencedores da edição, mas uma programação paralela é um convite ao público que se deixa encantar pelo poder dessa arte democrática e libertária. Tour fotográfico, leitura de portfólios, palestras e roda de conversa estão na agenda que encerra o ano para o Festival (veja programação). As vagas são limitadas. Para garantir o passaporte das atrações, enviar email para contato@brasiliaphotoshow.com.br e aguardar a validação do BPS.

Brasília Photo Expo marca aniversário de Brasília

2020 está batendo à porta e promete! A 2ª edição da Brasília Photo Expo, maior exposição fotográfica coletiva do mundo, que em 2018 levou milhares de pessoas ao Centro de Convenções Ulysses Guimarães, está confirmada para abril de 2020, um ano ícone para a cidade. A grande mostra é um dos marcos da celebração do aniversário de 60 anos da capital do País e levará ao público os trabalhos vencedores na edição 2019/2020 do Festival e das edições passadas também.

O evento terá programação gratuita e extensa com mais de 40 palestras sobre fotografia com tradução em libras, feira de produtos artesanais, desfile de moda, alas de exposição temáticas com trabalhos de fotógrafos do mundo todo. A Secretaria de Estado de Turismo do DF será correalizadora da Brasília Photo Expo.

De acordo com Rodrigo Nimer, diretor executivo do BPS e idealizador do evento, a expectativa é receber cerca de 70 mil pessoas em quatro dias. “Brasília é a capital do País, todo o projeto do Festival Internacional de Fotografia Brasília Photo Show foi idealizado por brasilienses. Temos vocação para a arte, para a cultura, para a diversidade. A Brasília Photo Expo é um desdobramento do BPS, reflete o que somos, revela nosso potencial para atrair olhares brasileiros e estrangeiros”, diz

Novos recordes no BPS

Os 13.500 cliques recebidos para 5ª edição do BPS turbinaram a interação nas redes sociais do Festival, totalizando mais de 40 milhões de views de 2015 a 2019. Nas cinco edições, foram admitidas 45 mil fotos, 38 mil postadas no perfil do Festival no Facebook.

O Brasília Photo Show é considerado o maior festival de fotografia popular do Brasil, provavelmente do mundo também. As inscrições virtuais e gratuitas permitem que qualquer pessoa – profissional ou amadora, com ou sem recursos financeiros, possa participar. Um dos objetivos do BPS, inclusive, é viabilizar possibilidades, projetar novos talentos, profissionais que desejam viver da fotografia. Edu Vergara, idealizador, coordenador e curador do Festival, observa que as infinitas conexões exibidas nos registros surpreendentes feitos com todo tipo de equipamento – smartphone, máquinas de bolso e câmeras profissionais – continuam a tônica do projeto.

O Distrito Federal liderou o número de fotógrafos inscritos na 5ª edição do BPS, seguido de SP e RJ respectivamente. As imagens que chegaram de todo o Brasil, de outros países da América do Sul e do Norte, Europa e Ásia tiraram o fôlego dos curadores e dos observadores das redes sociais do BPS. Para Edu Vergara, o Brasília Photo Show tem contado histórias surpreendentes. Ele sublinha que não é só a técnica, não é só a máquina, não é só a luz. “A foto é a essência da cena distante que conecta vidas, lugares, tempo”, avalia.

A arte que impacta e transborda

Edu cita o registro de Mirian Costa Vajani, feito no Museu de Arte de Londrina, premiado com a capa do novo livro 2019/2020. Segundo ele, trata-se de uma das imagens mais impactantes recebidas ao longo da história do BPS. “Essa foto é quase uma cena de filme com tons dramáticos do mais alto nível. Parece uma súplica, pode representar o transbordo da dor, da solidão, da agonia humana. Também há traços religiosos, como em figuras retratadas nas igrejas por toda a nossa história. Além disso, o clique é tecnicamente maravilhoso”, aponta.

Vergara revela que o nível da edição 2019/2020 foi altíssimo, com trabalhos surpreendentes. “O BPS marcou seu lugar entre os mais avançados festivais em nível técnico e o mais sofisticado em termos artísticos. Recebemos obras espetaculares, especialmente quando se trata da intervenção do fotógrafo na edição. O festival bateu novamente o recorde de inscrições e se consolidou como o Oscar da Fotografia reconhecido pelo INPI como tal”, celebra.

Fazendo história

O Festival Internacional de Fotografia foi criado e se desenvolveu em um momento de diversas mudanças no cenário nacional. Somado a isso, muitas foram, também, as transformações em termos de redes sociais, ambiente fundamental para que o Festival ganhasse o seu público e conquistasse fotógrafos amadores e profissionais em tempo recorde.

“Enfrentamos uma série de obstáculos, mas nunca tivemos dúvidas de que o Festival cresceria e se destacaria a cada edição no cenário nacional e internacional”, pondera Rodrigo Nimer. “Foto é emoção. É muito nítido que a pegada emocional está entendida pelos participantes. O tipo de inscrições transparece isso. Mas, é perceptível também que todos estão buscando aprofundar nas técnicas para criar maior sustentabilidade às obras”, conclui Eduardo Vergara.

A premiação da edição 2019/2020 será no dia 30 de novembro, os trabalhos premiados estarão expostos na Brasília Photo Expo, em abril próximo, para celebrar os 60 anos da capital.

Programação

29 de novembro (sexta-feira) – palestras com prática ao vivo a partir das 18:30h

Esdras Neves – Vale a pena processar um periódico por direitos autorais? (sem prática ao vivo)

Diego Martins Mattos – Fotografia de celular com qualidade

Bárbara Bastos – Fotografia Newborn em PB

Rubens Matsushita – Fotografia de Natureza planejamento para capturar os melhores momentos

Rafael Facundo – Cores na gastronomia

· As vagas são limitadas. Para garantir seu lugar, enviar email para contato@brasiliaphotoshow.com.br

30 de novembro (sábado)

Das 9h às 11h Leitura de portfólio

Das 9h30 às 10h30 Roda de conversa – A Fotografia no Turismo: Imagem e Mercado

· As vagas são limitadas. Para garantir seu lugar, enviar email para contato@brasiliaphotoshow.com.br

Das 10h30 às 12h30 Evento de premiação – (exclusivo para convidados)

Das 14h30 às 18h30 Tour Fotográfico – (ingresso pelo comercialbsbphotoshow@gmail.com)

Onde: Auditório da UPIS – SEPS 712/912, Conj. A – Asa Sul

Mais informações: https://brasiliaphotoshow.com.br/


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade