fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Entretenimento

Andrea Bocelli anuncia seu mais novo álbum, “Believe”, uma seleção de canções comoventes e pessoais para a alma

Com duetos espetaculares das cantoras vencedoras do Grammy Alison Krauss, em “Amazing Grace”, e Cecilia Bartoli e ainda uma faixa inédita de Ennio Morricone.

Avatar

Publicado

em

Andrea Bocelli © Giovanni De Sandre
PUBLICIDADE

O tenor italiano de renome mundial Andrea Bocelli está pronto para lançar o seu comovente novo álbum, “Believe”, pela Sugar/Decca Records, no dia 13 de novembro, celebrando o poder da música que acalma a alma. No disco, ele conta com a participação de Alison Krauss – a cantora mais premiada da história do GRAMMY® – e, juntos, fazem uma interpretação forte e emocionante de “Amazing Grace”.

O álbum segue a apresentação recordista de Bocelli em “Music for Hope” (https://umusicbrazil.lnk.to/MusicForHope), que foi transmitida na Páscoa deste ano do histórico Duomo, a Catedral de Milão, e assistida ao vivo por milhões de pessoas em todo o mundo. O novo álbum também traz dois duetos com Cecilia Bartoli, cantora-líder de ópera, uma faixa inédita do grande e saudoso compositor italiano, Ennio Morricone, e ainda “Gratia Plena” – a música de encerramento do novo filme “Fátima”, aclamado pela crítica.

Os temas explorados nesta nova gravação têm um significado profundo e pessoal para Bocelli, que diz: “O conceito por trás de ‘Crer’ baseia-se em três palavras: fé, esperança e caridade. Estas são as três virtudes teológicas do cristianismo. No entanto – completamente independente de qualquer crença religiosa – são também as três chaves extraordinárias que dão sentido e plenitude à vida de cada um de nós”.

Sobrepondo seus vocais distintos à “Amazing Grace” encontra-se a cantora e compositora Alison Krauss, 27 vezes vencedora do GRAMMY® Awards, e uma das artistas mais importantes da tradição de country-bluegrass americano. Sobre a sua colaboração com Bocelli, Krauss comentou: “Que experiência extraordinária! Fantasticamente supreendente!”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A interpretação solo de Bocelli em “Amazing Grace” encerrou de forma maravilhosa a sua apresentação em “Music For Hope”, realizada no início deste ano. Um dos maiores eventos musicais ao vivo de todos os tempos, com mais de 2,8 milhões de espectadores sincronizados em seu pico, a apresentação alcançou a maior audiência simultânea de música clássica com stream ao vivo na história do YouTube. O vídeo recebeu mais de 28 milhões de visualizações em todo o mundo nas primeiras 24 horas.

“Believe”, que foi coproduzido por Steven Mercurio e Haydn Bendall, é uma coleção de canções que elevam o espírito e têm inspirado e amparado Bocelli ao longo dos anos. Além dos duetos com Krauss e Bartoli, duas cantoras cujas vozes distintas são celebradas em todo o mundo, há também a música “Inno sussurato” (‘Whispered Hymn’), uma nova composição de Ennio Morricone, colaborador de Bocelli por muitos anos. O álbum ainda conta com as favoritas já conhecidas, como “Hallelujah” e “You’ll Never Walk Alone”.

Bocelli também compôs os arranjos musicais de “Ave Maria” e “Padre Nostro” especialmente para este álbum. Ele comenta: “Não me considero um compositor, mas sou músico, e às vezes me vêm à cabeça certas melodias, com harmonias praticamente completas… Música que bate à porta da minha alma e que eu acolho com prazer, e depois libero, pondo caneta no papel”. Há também melodias como “Mira il tuo popolo”, que o transporta aos tempos em que era menino, à sua infância na Toscana. “Elas representam a trilha sonora das lembranças da minha infância“, acrescentou Bocelli.

Uma das joias ocultas em “Believe” é a canção “Fratello sole sorella luna (Dolce è Sentire)”, do filme “Irmão Sol, Irmã Lua”, de Franco Zeffirelli, com música composta por Riz Ortolani. Outra delícia é “Angele Dei”, obra recém-descoberta de Puccini, com arranjos de Michael Kaye e estreada por Bocelli em 2019. Como esta música tinha sido originalmente composta sem uma letra, Bocelli pediu que nela se inserissem palavras de uma oração (dirigida ao anjo da guarda).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Possuidor de um dom musical de nascença, Andrea Bocelli é um dos cantores mais célebres da história moderna, apresentando-se em grandes eventos internacionais, inclusive nos Jogos Olímpicos e na Copa do Mundo, e esgotando ingressos em seus shows de arena pelo mundo afora. Bocelli é vencedor do Globo de Ouro, de sete Classic BRIT Awards e sete World Music Awards, e ainda tem uma estrela no Hollywood Walk of Fame. Seu álbum anterior, “Si”, alcançou o 1º lugar nas paradas dos EUA e do Reino Unido. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/SiForeverPR .

Com uma carreira condecorada que se estende por mais de um quarto de século, acumulando milhões de fãs pelo mundo com sua voz emotiva e imediatamente reconhecível, Bocelli também já colaborou com uma série de astros de primeira linha, incluindo Luciano Pavarotti, Ariana Grande, Jennifer Lopez, Christina Aguilera, Ed Sheeran, Dua Lipa, Céline Dion, Tony Bennett e muitos outros.

Enfim, Bocelli compreende que toda música faz bem para a alma de um jeito que toca nas nuances mais sutis da humanidade, independentemente da crença individual: “A boa música traz consigo uma poderosa mensagem de paz e camaradagem, e nos ensina sobre a beleza e nos ajuda a abrir o coração e a mente”.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade