fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Mobilidade melhora no DF

Renovação da frota e novas linhas de ônibus, adoção da faixa reversa na EPTG e operação contra fraude no sistema de bilhetagem eletrônica são algumas das ações no setor, nos primeiros seis meses da atual gestão

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Da Redação
[email protected]

O Governo do Distrito Federal elaborou metas e projetos para a infraestrutura de transportes. Após seis meses de gestão, o trabalho já mostra resultados. No transporte público, por exemplo, a renovação da frota, com a aquisição de 63 microônibus, deu mais conforto e comodidade aos usuários. A Operação EPTG, iniciada em março, diminuiu em até 30 minutos o tempo de viagem no transporte coletivo e aumentar em 20% a fluidez. A alteração ocorre em dias úteis, das 6h às 9h e das 17h30 às 19h45. 

De acordo com a Secretaria de Transporte e Mobilidade, a inversão da via possibilitou a identificação de redução significativa no tempo de viagem dos usuários do Sistema de Transporte Público Coletivo, de cerca de 30 minutos. “A medida é uma forma, também, de incentivar os usuários a deixarem os veículos em casa e utilizarem o transporte público”, explicou o secretário de Transporte e Mobilidade do DF, Valter Casimiro. 

O GDF também lançou um edital de chamamento público para estudos de implantação de Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) nas avenidas W3 Sul e Norte. E, para combater a fraude no sistema de bilhetagem, lançou a Operação Cartão Vermelho. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Atendimento

Em relação ao atendimento aos usuários, o DFTrans ampliou para 35 guichês no posto do Sistema de Bilhetagem Automática (SBA), 21 a mais do que o número anterior. Em Brazlândia e Taguatinga, as linhas 409.1 e 963.1 ganharam mais viagens. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A região de Águas Claras ganhou a linha 0.952, com trajeto circular até o Taguatinga Shopping, passando pelas avenidas Araucárias e Castanheiras e pelas quadras 107 e 301. Já no Setor P Sul houve a ampliação da linha circular 933.6 para o atendimento nas vias P2 e P3, com 35 viagens nos dias úteis e 23, aos sábados. Aumentou, ainda, o número de viagens na linha 932.2, com 16 horários. 

No Metrô-DF, a expansão do horário do funcionamento das estações metroviárias, com abertura às 5h30, deu mais alternativas à população. Após o novo horário, as estações passaram a funcionar a partir de 5h30, de segunda-feira a sábado, e a partir das 6h30 aos domingos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Prevenção

Os trabalhos preventivos também são prioridade do governo. Para isso, o Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) iniciou uma série de ações para reduzir o número de acidentes e mortes no trânsito.  Dados do departamento apontam uma redução de 18% no número de mortes nesses seis meses, comparado ao mesmo período do ano passado. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
>

Importante ferramenta para a segurança e orientação das pessoas e veículos, as sinalizações horizontais e verticais, como quebra-molas e placas, estão sendo revitalizadas. Outra forma de prevenção, a educação no trânsito executou programas como o Detran nas Escolas para educadores, além de campanhas de Volta às Aulas, Carnaval, Faixa de Pedestre, uso de celular ao volante e consumo de álcool ao volante. 

Houve aumento de cursos gratuitos ofertados pela Escola Pública de Trânsito (EPT), como o Curso de Atualização para motofretistas, Curso de Mecânica para mulheres, Curso de Iniciação para a superação do medo de dirigir. Na área de fiscalização, multas foram convertidas em advertências. A Operação Faixa Segura, com agentes em pontos estratégicos, deu mais segurança aos pedestres. A fim de diminuir os acidentes e mortes no trânsito, a Operações Lei Seca nas vias urbanas tem mapeamento de áreas de maior consumo de bebidas alcoólicas por parte de condutores, bem como áreas de maior índice de acidentes. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sinalizações

O Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF) revitalizou sinalizações e pistas, como o Eixão. Construiu também calçadas e abrigos de ônibus, além do balão de acesso as Centrais de Abastecimento do Distrito Federal (Ceasa) e de três passarelas na BR-020. Restaurou, ainda, o pavimento asfáltico da DF- 087.

Com informações da Agência Brasília. 




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade