fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Trânsito em Águas Claras vai melhorar com faixa adicional 

Demanda antiga da população, obra de mobilidade vai da Avenida das Castanheiras até a EPTG

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Da Redação
[email protected]

Uma das maiores demandas da população de Águas Claras é a mobilidade urbana. Para resolver esse problema, o Governo do Distrito Federal tem trabalhado em várias frentes que contribuam para melhor fluidez do trânsito e facilitem a locomoção dos moradores.

Uma dessas ações é a criação de uma via no balão da Unieuro, no âmbito do Programa GDF Presente. A pavimentação do local já teve início e visa desafogar o trânsito na região. A previsão é de que a obra seja concluída em agosto. O local é um dos que mais geram transtornos e engarrafamentos na cidade.

A faixa adicional vai da Avenida das Castanheiras até a EPTG. De acordo com a Administração Regional de Águas Claras, essa é uma demanda antiga da população.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O advogado Marcos Gilberto dos Reis, 50 anos, é pai de uma universitária e sempre passa pelo local. Na opinião dele, a obra é de grande importância e necessidade. “Vai melhorar muito. Há muito engarrafamento aqui. Ficamos muito tempo para percorrer esse trajeto. Acredito que irá dar mais fluidez agora”, pontua Marcos.

O advogado já percebeu também outras ações do GDF na região. “Houve mudanças de sentido em algumas ruas. São pequenas ações que vão fazer muita diferença para nós.”

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Para o universitário Igor Marikon, 19 anos, a mudança irá deixar o trânsito melhor. “Tem dias que é difícil transitar aqui. O trânsito fica muito parado e há muitos acidentes também. O acesso para a universidade fica bem complicado. Essa nova via será mais uma opção para os motoristas e irá melhorar bastante o trânsito”, comentou.

A obra é uma parceria que reúne Administração Regional de Águas Claras, Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF), CEB, Detran, Novacap e Unieuro.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo a administração, a nova gestão fez grande esforço para retomar esse projeto, que estava parado desde 2014, há mais de quatro anos.

Para o administrador de Águas Claras, Ney Robsthon, a obra vai desafogar o trânsito. “A ação faz parte do nosso foco, que é desafogar o trânsito de Águas Claras e melhorar a mobilidade urbana e a qualidade de vida da população”, sintetizou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
>

Outras obras

Acessibilidade e mobilidade urbanas têm sido as principais bandeiras do GDF na região de Águas Claras. A localidade não recebia obras há mais de três anos. Em seis meses de gestão, os moradores já podem perceber as melhorias decorrentes das ações governamentais por todos os cantos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A administração regional, em parceria com a Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap), também já deu início às obras de construção, reforma e readequação das calçadas da região. Os recursos que asseguram os reparos nas calçadas, no valor de R$ 800 mil, são provenientes de emenda parlamentar.

A ação começou pela Estação Águas Claras. As próximas etapas vão contemplar o entorno das estações Arniqueiras e Concessionárias. Além da construção de novas calçadas, algumas já existentes ganharão rampas de acessibilidade. A intenção é que todos os lotes tenham calçamento.

Já as calçadas em torno dos lotes e edificações particulares são responsabilidade dos ocupantes. Por isso, a pedido da administração, cerca de 600 proprietários foram notificados para construírem as passagens com acessibilidade.

Outra obra que contempla a mobilidade na região foi a construção de um balão no entroncamento da avenida Parque Águas Claras com a Flamboyant.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Com informações da Agência Brasília.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade