fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Terracap entrega casas provisórias para concluir obras da W9

Foram entregues oito casas para as comunidades indígenas Kariri-Xocó e Tuxá

Avatar

Publicado

em

Foto: Reprodução
PUBLICIDADE

A Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) entregou para as comunidades indígenas Kariri-Xocó e Tuxá, que moram no Noroeste, as chaves de oito casas provisórias construídas para abrigar as famílias. A ação faz parte de um acordo de desocupação da área para que se conclua as obras da via W9, futura Avenida dos Ipês.

Como a área foi originalmente ocupada pelas tribos, a Terracap, a Defensoria Pública do Distrito Federal, a Defensoria Pública da União, o Ministério Público Federal e a Fundação Nacional do Índio (Funai) prepararam um acordo, que foi assinado em outubro de 2019. O documento pôs fim a um imbróglio que se estendia desde 2004.

Ao assinar o acordo, a cacique Ivanice Tanoné, representante das duas tribos, demonstrou felicidade em nome da comunidade indígena. “Nossos diretos estão sendo respeitados e, agora, teremos segurança. Com o poder do grande espírito, conseguimos essa vitória”, contou.

Reserva indígena construída

Agora, a Terracap espera concluir as obras da via W9, que é a principal do Noroeste. A estrada liga o Setor de Transporte Norte (STN) e a DF 040, próximo ao Setor de Recreação Pública Norte (SRPN). Mas também será construída uma reserva indígena. Também no Noroeste, o local conhecido como Arie Cruls, de 14 hectares, sediará a Reserva Indígena Kariri-Xocó e Tuxá do Bananal-DF.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em até um ano, a Terracap deverá implementar o sistema de abastecimento de água, esgoto e energia na região. Ainda serão construídas 16 unidades habitacionais, uma estrutura de guarita, um centro cultural, sete ocas pequenas, um terreiro, além de uma casa de produção de farinha para apoiar a sustentabilidade da aldeia. Todo o perímetro da reserva foi cercado.

Sinalização

Moradores da região reclamam de má sinalização na via W9, que é de mão dupla. No domingo (5), dois motoristas promoveram um racha envolvendo dois carros de luxo. Veja o vídeo:

Um dos condutores era o subsecretário de convênios e parcerias da Secretaria de Esporte e Lazer do DF, Wesley Wenisgton Vieira dos Santos, que não se feriu. Após a infração, a Secretaria tornou a nomeação dele sem efeito. Ele foi preso.

O outro motorista é Pedro Luca Lima Gabriel, 22 anos. Morador de Águas Claras, o infrator teve fratura exposta no esquerdo, fratura na costela direita, pneumotórax (ar em cavidade que envolve o pulmão) e corte na cabeça.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade