fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Secretaria de Saúde vacina 139 pessoas contra a febre amarela em São Sebastião

Após encontrar macaco morto infectado, vigilância epidemiológica trabalha no bloqueio vacinal contra a doença

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Equipes da Secretaria de Saúde vacinaram, em dois dias, 139 pessoas em São Sebastião contra a febre amarela. A ação, que começou na última segunda-feira (9), faz parte de uma estratégia de bloqueio vacinal realizada após o óbito de um macaco infectado com a doença. Ao todo, 221 cartões de vacina foram avaliados, os quais 82 estavam com a vacina em dia. Profissionais estão visitando as residências em um raio de 300 metros quadrados de onde o animal foi encontrado. A operação deve continuar até a próxima sexta-feira.

Participam da ação servidores da Vigilância Epidemiológica e de Imunização da Atenção Primária à Saúde da Região Leste, responsáveis pela vacinação e conferência das cadernetas de vacinação. Além disso, equipes da Vigilância Ambiental trabalham no combate aos mosquitos Aedes aegypti e Haemagogus (transmissores da febre amarela) fazendo controle químico e borrifação para eliminar os insetos, e buscando por macacos mortos.

“Tivemos um caso de febre amarela em macaco, por isso precisamos nos certificar que a população está vacinada”, explica a superintendente da região de saúde Leste, Raquel Belvilaqua. O alerta vale especialmente para os moradores das quadras 29, 30, 31, 32 e 32 A, além da Marginal do Agudo.

Orientações à população

Durante os trabalhos, as equipes ainda orientaram outras 195 pessoas a procurarem a unidade básica de saúde mais próxima para atualizar a situação vacinal. A previsão é que a ação de bloqueio se encerre até a próxima sexta-feira (13). Em 91 casas que estavam fechadas foram deixados avisos impressos reforçando a necessidade de procurar a UBS o mais breve possível. A orientação é que essa população compareça à sala de vacinação da UBS 12 da Vila São José.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Até a próxima sexta-feira (13), a equipe deve visitar todas as quadras, ruas e chácaras dos bairros São José, São Francisco, Morro da Cruz, Vila Nova, núcleo rural Zumbi dos Palmares e na Avenida Central. Caso os moradores não tenham sido vacinados contra a febre amarela, as doses serão aplicadas pelos profissionais de saúde na casa das pessoas.

As informações são da Agência Brasília




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade