Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Saúde: DF compra mais de mil próteses mamárias e sutiãs de adaptação

Para que todas as órteses e todas as próteses ambulatoriais para reabilitação física sejam entregues, a paciente deve passar por avaliação

Publicado

em

Foto: Mariana Raphael/Secretaria de Saúde-DF
Advertisements

Da Redação
redacao@grupojbr.com

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal recebeu 641 próteses mamárias externas e 641 sutiãs para adaptação, que vão atender todas as 517 mulheres mastectomizadas que aguardam na fila desde 2013. Os itens só serão entregues, entretanto, após avaliação e de acordo com a ordem da lista de espera.

A Secretaria adquiriu 206 próteses mamárias externas tipo gota, com a mesma quantidade de sutiãs; 435 unidades tipo triangular com a mesma quantidade de sutiãs, de acordo com a primeira ata vigente nº 456/2018. As próteses custaram R$ 120 cada e os sutiãs R$ 84,30 cada.

Para que todas as órteses e todas as próteses ambulatoriais para reabilitação física sejam entregues, a paciente deve se avaliada no Núcleo de Atendimento Ambulatorial de Órteses e Próteses. “Após esse procedimento, os pacientes que necessitarem do material serão cadastrados e receberão o item à medida que estiver disponível na rede, respeitando a ordem de pacientes em lista”, explica a subsecretária de Logística, Mariana Mendes Rodrigues.

De acordo com Érica Batista, gerente de Oncologia da Secretaria de Saúde, as próteses adquiridas são de extrema importância para as pacientes. Ela afirma que “aumenta a autoestima delas e também a adesão ao tratamento”.

As próteses são utilizadas por mulheres que precisaram retirar a mama em razão de um câncer. Segundo o painel de Oncologia do Instituto Nacional do Câncer (Inca), 1.863 mulheres estão em tratamento da doença no DF. Porém, nem todas precisam ser mastectomizadas.

 

Com informações da Agência Brasília


Você pode gostar
Publicidade