fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

PMDF desarticula quadrilha que desmatava área para grilagem em Vicente Pires

De acordo com a polícia, foram desmatados mais de dois hectares em uma área de nascente de água

João Carlos Magalhães Teles

Publicado

em

PUBLICIDADE

Nesta quinta-feira (24) a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) desarticulou uma quadrilha que estava desmatando e loteando uma área de preservação ambiental. Quando a polícia chegou ao local cerca de 20 pessoas estavam no lote. Os agentes conseguiram prender onze pessoas em flagrante. O crime ocorreu na chácara 38 B em Vicente Pires.

Os criminosos foram encaminhados para a Delegacia Especial de Proteção ao Meio Ambiente e à Ordem Urbanística (DEMA), onde foram enquadrados pela Lei 9605/98, que dispõe sobre as sanções penais e administrativas derivadas de condutas e atividades lesivas ao meio ambiente.

De acordo com a polícia, foram desmatados mais de dois hectares em uma área de nascente de água.

A polícia apreendeu tratores, motosserras e caminhões usados pelos criminosos na operação. Ao que tudo indica, o objetivo dos traficantes era lotear a área, que já armazenava dutos de concretos para o início das obras.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Uma testemunha relatou o cenário. “Era uma área de brejo, de nascente de água, então eles cortaram mais de 300 árvores”. De acordo com ela as nascentes iriam ser secas na grilagem “As nascentes estavam todas lá a céu aberto”.

A área fica entre a Rua 3B de Vicente Pires e a Rua 1, conhecida como Rua do Jockey. O local fica próximo ao Residencial Parque das Águas.

Na área desmatada tinham nascentes a céu aberto e os criminosos estavam drenando a área para inibir a o córrego e acabar com a nascente.

Em vídeo obtidos pelo Jornal de Brasília é possível notar as árvores no chão e os blocos de concreto, prontos para uma obra.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade