fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Polícia investiga se ossada encontrada com marcas de mordida é de jovem desaparecida em Formosa

Pelo estado da ossada, os investigadores cogitam que a vítima foi esquartejada e seus restos mortais foram dados para os cachorros comerem

Avatar

Publicado

em

Foto: Reprodução/TV
PUBLICIDADE

A Polícia Civil de Formosa, no Entorno do Distrito Federal, investiga se uma ossada encontrada na zona rural da cidade pertence a uma jovem desaparecida há mais de um mês. De acordo com o que foi apurado, Natália Nunes de Moura, de 26 anos, desapareceu após sair para se encontrar com um homem, de 44 anos. Pelo estado da ossada, os investigadores cogitam que a vítima foi esquartejada e seus restos mortais foram dados para os cachorros comerem.

O homem com quem Natália se encontrou foi preso suspeito do crime de homicídio. Ele confirmou que se encontrou com a vítima, mas negou a autoria do assassinato. O encontro entre os dois teria ocorrido em uma zona rural, no dia 1º de outubro. Na sexta-feira (30), os restos mortais da vítima foram encontrados.

Os investigadores relataram que foram encontradas parte da escápula e a coluna praticamente inteira. Os ossos foram achados com marcas de mordida.

Para confirmar se a ossada pertence à jovem desaparecida, o Instituto Médico Legal (IML) de Goiânia irá realizar a perícia dos restos mortais. A previsão é que o laudo fique pronto em até 30 dias.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade