fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

PCDF prende homem que vendia drogas por aplicativo de relacionamento

O  morador de Vicente Pires anunciava e vendia porções de skunk em um aplicativo de encontros voltados para o público LGBT. Ele foi preso na W3 Sul

Aline Rocha

Publicado

em

PUBLICIDADE

Da Redação
[email protected]

Por intermédio da 1ª Delegacia de Polícia (DP) a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) deflagrou, na tarde dessa quinta-feira (18), a Operação Alibã (Alibã é polícial na giria LGBT). Como resultado da operação, um homem foi preso em flagrante por tráfico de drogas. 

O  morador de Vicente Pires anunciava e vendia porções de skunk em um aplicativo de encontros voltados para o público LGBT. Ele foi preso na W3 Sul enquanto se dirigia para fazer uma entrega de 25g de drogas, no valor de R$ 500 para um cliente. 

Durante a abordagem, o homem estava na companhia de um amigo, que foi conduzido à delegacia e acabou autuado pelo crime de posse de drogas para consumo pessoal. O amigo assinou o termo de compromisso e foi liberado. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade