fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Lago Paranoá receberá placas de sinalização para orientar usuários

Até o final do mês de setembro, outros 16 pontos e 35 clubes receberão sinalizações

João Carlos Magalhães Teles

Publicado

em

PUBLICIDADE

Uma ação entre a Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa) e o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) instalará as primeiras placas de sinalização das zonas de uso do Lago Paranoá nesta terça-feira (1º). As placas tem como objetivo orientar usuários a aproveitar o lago de forma segura, de acordo com os espaços delimitados no zoneamento do espelho d’água do manancial.

Serão instaladas quatro placas em zonas preferenciais para banho, na orla da Ponte JK, na praia da QL 11 do Lago Norte, no Parque das Garças e na Praia do Cais da Concha Acústica, localizada no Setor de Clubes Esportivos Norte, mas essa será a primeira fase de instalação.

Até o final do mês de setembro, outros 16 pontos receberão sinalizações, entre eles, a orla da Ermida Dom Bosco, a praia da Península dos Ministros, a praia do Anfiteatro Natural do Lago Sul e a praia da Praça dos Orixás. O projeto prevê a instalação de 80 placas ao longo da orla, incluindo 35 clubes.

O zoneamento do Lago Paranoá foi elaborado com base em estudos do Comitê da Bacia Hidrográfica do Paranaíba-DF (CBH Paranaíba-DF). A norma determina oito zonas de uso do lago. São as zonas de uso preferencial para banho; para atividades náuticas não motorizadas; para a motonáutica; diluição de efluentes de estações de tratamento de esgotos; de segurança dos pontos de captação de água para abastecimento público; de segurança da Barragem do Lago Paranoá; de segurança nacional e de restrição ambiental.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

As zonas são fiscalizadas pela Capitania Fluvial de Brasília (CFB) e pela Polícia Militar do Distrito Federal, por meio da Companhia de Operações Lacustres do Batalhão de Policiamento Turístico.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade