fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Izalci deve ser relator da MP sobre reajuste das forças de segurança do DF

Ibaneis deve assinar o texto às 16h desta quarta (20). Reajuste é de responsabilidade do Governo Federal

Willian Matos

Publicado

em

PUBLICIDADE

Catarina Lima
redacao@grupojbr.com

O senador Izalci Lucas (PSDB-DF) deverá ser o relator no Congresso Nacional da Medida Provisória que estabelece o reajuste salarial das forças de segurança do Distrito Federal – Polícia Militar (PMDF) e Corpo de Bombeiros (CBMDF). O texto que dará origem à MP será assinado nesta quarta-feira (20), às 16h, pelo governador Ibaneis Rocha, em solenidade no Salão Nobre do Palácio do Buriti. Em seguida, a proposição será entregue ao ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto.

O reajuste das forças de segurança do DF é responsabilidade do Governo Federal, uma vez que a Constituição estabelece que compete à União organizar e manter a polícia civil, a polícia militar e o corpo de bombeiros militar do Distrito Federal.

A proposta de reajuste foi apresentada em outubro por associações de militares e parlamentares de DF. Desde então, a equipe econômica do governo local iniciou o estudo da proposição e elaborou o texto a ser entregue ao governo Federal. PMs e Bombeiros reivindicam a equiparação de seus salários líquidos aos dos policiais civis. Como exemplo, um coronel da PM deverá receber a mesma remuneração líquida que delegado da Polícia Civil. O impacto da medida será de cerca de R$ 2 bilhões. O desembolso começará este ano e irá até  2022.


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade