fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Hospital de Base e UPAs do DF ganham centrais telefônicas e novos números

A partir desta quarta-feira (5) até 17 de junho, quando o usuário ligar para qualquer um dos números antigos, uma mensagem informará sobre a mudança

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Da Redação
redacao@grupojbr.com

Começaram a funcionar as novas centrais telefônicas do Hospital de Base (HB) e das seis Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) do DF. A implantação do recurso faz parte da modernização promovida pelo Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do DF (Iges-DF), que está substituindo as linhas telefônicas analógicas por outras que utilizam a tecnologia VOIP.

Cada unidade terá uma central telefônica, conforme a relação de telefones abaixo. Com a ferramenta, os pacientes e demais usuários poderão ligar, digitar o ramal ou discar uma das opções informadas pela mensagem que será transmitida para direcionar ao setor desejado. O objetivo é aumentar a comodidade dos usuários.

Ao todo, 400 linhas modernas substituirão 135 analógicas no Hospital de Base. Já nas UPAs, são 69 números, sendo 11 para Ceilândia, 11 para o Núcleo Bandeirante, nove em São Sebastião, 16 em Samambaia, nove em Sobradinho, e 13 no Recanto das Emas. A previsão é de que o recurso também seja implantado no Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), que também é gerido pelo Iges-DF.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

TRANSIÇÃO

A partir desta quarta-feira (5) até 17 de junho, quando o usuário ligar para qualquer um dos números antigos, uma mensagem informará sobre a mudança e sobre o novo número correspondente. Em seguida, a transferência será feita automaticamente para o número novo.

De 18 de junho a 31 de julho, os usuários serão informados apenas sobre o número novo, sem haver a transferência automática. A ideia é “forçar” as pessoas a anotarem os novos contatos, que também estarão permanentemente disponíveis na aba Telefones do site do IGESDF.

VOIP

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Essa tecnologia permite a transmissão de voz por IP (Protocolos de Internet), ou seja, transforma os sinais de áudio analógicos da chamada em dados digitais que podem ser transferidos pela Internet.

Entre as vantagens dessa tecnologia estão a renovação do parque tecnológico na área de telefonia, gravação de ligações, utilização do um sistema de atendimento automático que ao receber uma nova chamada telefônica reproduz um menu de opções (Unidade de Resposta audível – URA), relatórios de ligação e possibilidade de expansão e interligação entre as unidades.

TELEFONES

No caso do Hospital de Base, a central funcionará pelo telefone 061 3350-8900. Ao ligar, será transmitida a seguinte mensagem: “Você ligou para o Hospital de Base, digite o ramal desejado ou um (1) para o ambulatório, dois (2) para Ouvidoria, três (3) para Internação, quatro (4) para emergência e cinco (5) para Administrativo. Para as UPAs, basta ligar em um dos números da relação abaixo. As opções de discagem variam de acordo com cada unidade.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

HOSPITAL DE BASE – 3550-8900

UPA CEILÂNDIA – 3550-8897

UPA SÃO SEBASTIÃO – 3550-8746

UPA NÚCLEO BANDEIRANTE – 3550-8817

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

UPA RECANTO DAS EMAS – 3550-8809

UPA SOBRADINHO – 3550-8752

UPA SAMAMBAIA – 3550-8739

Com informações da Agência Brasília e Secretaria de Saúde




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade