Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Homem é detido por tentativa de assalto na Rodoviária do Plano Piloto

Publicado

em

Da Redação

Um homem foi preso por tentativa de assalto na Rodoviária do Plano Piloto na noite de sábado (19). Com uma faca em punho, o suspeito abordou um passageiro e anunciou o crime, mas a vítima conseguiu fugir e pedir socorro à Polícia Militar. O homem foi detido, mas não ficou preso porque a vítima não quis registrar boletim de ocorrência. Na última semana, o terminal foi cenário do assassinato de um estudante.

Segundo informações da PMDF, por conta da negativa em registrar o crime na delegacia da área central, o assaltante assinou Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) se comprometendo a comparecer à Justiça quando convocado.

Na semana passada, em um intervalo de 48 horas, a rodoviária localizada no centro de Brasília foi palco de duas extremidades causadas pela presença e ausência da Polícia Militar. Na segunda-feira, Milton Junio Rodrigues de Souza, 19, perdeu a vida ao ser esfaqueado próximo à plataforma B. No dia anterior, um grupo de jovens filmou a ação truculenta dos militares e os acusam de agressão. Entre os passageiros, a reclamação é a mesma: o efetivo não consegue suprir o número de ocorrências e o espaço clama por mais segurança.

Milton Junio, assassinado na Rodoviária do Plano Piloto. Foto: Reprodução/Facebook

Na ocasião, o major Cláudio Peres, do 6º Batalhão da PM, informou que cerca de 30 policiais se revezam 24 horas por dia, a pé e com viaturas, nas intermediações da Rodoviária do Plano Piloto. Todos os dias são recolhidas drogas e armas brancas, como facas. Além das apreensões, Peres afirma que há prisões. No entanto, a corporação se esbarra na dificuldade da reincidência.


Você pode gostar
Publicidade
Publicidade 
Publicidade
  • CHARGE DO DIA

Publicidade