fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

GDF lança app que mapeia buracos nas vias do DF

Sempre que encontrarem um buraco, servidores das 33 administrações regionais irão fotografá-lo e lançá-lo no software

Willian Matos

Publicado

em

PUBLICIDADE

Da redação
[email protected]

O Governo do Distrito Federal (GDF) lançou, na segunda-feira (25), um aplicativo para celular que irá mapear os buracos nas pistas da capital federal. O objetivo do Programa Buraco Zero é dar agilidade na correção dos problemas nas vias.

Funcionamento

Servidores públicos das 33 administrações regionais, ao verem um buraco, vão fotografá-lo e cadastrá-lo no aplicativo, por meio de um sistema de GPS e mapas georreferenciados. O secretário de Governo, José Humberto Pires, detalha. “Teremos um banco de dados enorme. Serão mapeados todos os buracos tapados e os não tapados. Saberemos ainda há quantos dias o registro foi feito e quando ele foi atendido”, explica.

O app do GDF foi montado a partir de outra plataforma já existente no mercado. “Fizemos uma adaptação de um app para facilitar o cadastro e a gestão dos serviços”, comenta o assessor da Secretaria de Governo, Giderclay Zeballos, responsável pelo software.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cidades inteligentes

A Secretaria de Governo diz que essa iniciativa vai ajudar a “transformar a cultura organizacional das administrações regionais”. A ideia é oferecer ferramentas tecnológicas para facilitar a visualização das necessidades das cidades e dar agilidade no atendimento às demandas da população.

“Nosso objetivo é acabar de vez com o papel e não deixar nada esquecido. O sistema vai dar rapidez na visualização do que é preciso ser feito”, explica um dos coordenadores do GDF Presente, Marco Aurélio Demes.

De acordo com ele, a expectativa é de que, com mais agilidade, o volume de reclamações via ouvidoria diminua muito. “Queremos antecipar os serviços. Antes mesmo de o cidadão registrar na ouvidoria a reclamação, já estaremos cientes do fato, programado o reparo ou até mesmo finalizado todos os serviços”, conclui.

Reforço nas ações

Os trabalhos de tapa-buracos estão sendo feitos desde o início do ano, com a união de forças dos servidores da Novacap, do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-DF) e das administrações regionais, com reforço de centenas de reeducandos. Até o mês de outubro, mais de R$ 400 milhões foram investidos no cuidado das vias.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo o secretário de Governo, a produção de massa asfáltica destinada apenas à operação tapa-buracos nas cidades subiu mais de 25% nos últimos dez meses. “Em 2019, já registramos 47,6 mil toneladas utilizadas. No mesmo período do ano passado, foram 38 mil toneladas”, precisa Pires.

Diretor de Urbanização da Novacap, Luciano Carvalho destaca que na empresa a ordem é atender a determinação do governador de recuperar toda a malha viária do DF. Segundo ele, foram investidos neste ano na Usina de Asfalto o equivalente a R$ 2,5 milhões/mês de insumos para produção de massa asfáltica.

Novas empresas

Para ajudar nos trabalhos, o governo vai reforçar a atuação. Foram contratadas mais 15 empresas para fornecer massa asfáltica e executar as obras em todas as regiões administrativas. Para isto, estão sendo investidos mais de R$147 milhões. 

Além disto, estão sendo licitadas 22 novas máquinas para compactar o asfalto. “Isto vai ajudar demais os trabalhos realizados pela própria administração”, elogia o administrador de Planaltina, Gilson Amorim. “Para os trabalhos do dia a dia de manutenção das vias, uma máquina dessa conosco será fundamental”, elogia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Com informações da Agência Brasília




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade