fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Fechado por conta do isolamento, Parque da Cidade passa por revitalização

GDF aproveita o fechamento temporário para fazer mutirão de limpeza e revitalização no espaço. Castelinho, piscina de ondas, entre outros setores, estão recebendo cuidados

Avatar

Publicado

em

Foto Acácio Pinheiro / Agência Brasília
PUBLICIDADE

Fechado desde o dia 3 de abril por conta da pandemia do novo coronavírus, o Parque da Cidade espaço vem recebendo mutirões diários de servidores da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap) e do Serviço de Limpeza Urbana (SLU).

Entre os serviços diários estão a poda da grama e árvores, além de varrição dos locais mais comprometidos pela sujeira. Caminhões da Novacap com bombas de sucção vêm tirando o excesso de água da desativada piscina de ondas, atingida pela água da chuva que caiu ao longo da semana.

Limpeza da piscina de ondas. Foto Acácio Pinheiro / Agência Brasília

Na sexta-feira (24), no estacionamento 10, houve remoção de grandes troncos de madeiras. A madeira toda será encaminhada para o viveiro da Novacap e reaproveitada. “Temos que deixar o parque todo arrumado porque a qualquer momento o governador pode soltar um decreto liberando o espaço para o público”, comenta um servidor que trabalha na revitalização.

Outros serviços de reparos e limpeza estão previstos para as próximas semanas. Tudo vai depender da ação do tempo e dos trâmites burocráticos. As demarcações de vagas de estacionamento e recapeamentos de trechos da pista que precisam de reparos só serão feitos após o cessar da chuva.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Castelinho

E uma surpresa que vai animar a garotada de todas as idades: em breve, um dos lugares mais lúdicos do Parque da Cidade, o Castelinho, localizado entre a pista de kart e o parque de diversões Nicolândia, estará novinho em folha. A nova pintura, mais alegre e bem colorida, já começou a ser feita pelos reeducandos da Fundação de Amparo ao Trabalhador Preso (Funap).  Aliás, a área que circunda a divertida fortificação já foi limpa, pronta para receber os caminhões de areia.

“Infelizmente os trabalhos foram interrompidos por causa da pandemia, mas vamos torcer para que tudo volte ao normal logo para as ações continuarem, o local para receber a areia já está pronto”, torce o administrador.

Troncos estavam ocupando o parque há cerca de 20 anos. Foto Acácio Pinheiro / Agência Brasília

Com informações da Agência Brasília




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade