fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Em junho, 10.060 medicamentos de alto custo foram entregues em domicílio no DF

O objetivo do Serviço de Entrega de Medicamentos em Domicilio é evitar filas , deslocamentos dos usuários mais vulneráveis do Sistema e aglomerações

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Somente no mês de junho, o Banco de Brasília (BRB) entregou em domicílio 10.060 medicamentos de alto custo. A ação é fruto de uma parceria entre o banco e a Secretaria de Saúde do Distrito Federal e tem o objetivo de dar um atendimento mais humanizado aos pacientes durante a pandemia de Covid-19.

Foram 3.830 entregas feitas pela Farmácia de Alto Custo de Ceilândia, 3.945 entregas da unidade da Asa Sul e 2.285 da unidade do Gama, totalizando 10.060 remédios entregues só no mês de junho. Isso resultou em 7.500 pacientes beneficiados com a ação. 

“Este aumento expressivo é real. O BRB realizou algumas mudanças tais como a transportadora e metrologia de trabalho e nós da DIASF / Farmacias do CEAF ( conhecidas Farmácias de alto custo) implementamos etapa interna de separação prévia; um a dois dias antes da entrega os medicamentos são separados e assim otimizamos o tempo de separação, embalagem e expedição dos medicamentos para sair para as entregas , obedecendo toda a legislação sanitária vigente e sob execução e supervisão na fãs interna dos servidores e Farmaceiticos das unidades das Farmácias CEAF.

Além disso, o BRB investiu em recursos materiais. Instalou em todas as Farmácias de Alto Custo câmaras científicas próprias para armazenamento sob baixas temperaturas dos medicamentos separados para entregar no dia posterior, adquiriu caixas térmicas para transporte com termômetro acoplado (termo-higrômetro), freezer para conservar gelox e computadores para organizar rastreio e romaneio das entregas”, informa a diretora de Assistência Farmacêutica, Samara Furtado Carneiro.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O objetivo do Serviço de Entregas de Medicamentos em Casa é evitar filas, deslocamentos e aglomerações e como medida para o enfrentamento da pandemia do coronavírus, desde o dia 3 de abril, começou a funcionar o Serviço de entrega de medicamentos de alto custo em casa.

PARCERIA

Segundo Dra. Samara, desde o início das entregas, em abril, foram ajustados vários pontos frágeis nas entregas, o que possibilitou maior agilidade no serviço, além disso, o BRB trocou a transportadora, o que gerou relevante diferença na otimização e celeridade desta atividade.

“Esta é uma parceria indispensável e de notória importância para o atendimento dos usuários cadastrados e que procuram os CEAFs hoje.

A média de atendimentos na Farmavia de alto custo da Asa Sul na estação 102 sul do metrô , passou de 500 atendimentos presenciais diários para uma média de 120 a 200 pacientes por dia, fruto da belíssima iniciativa do Governador Ibaneis Rocha e do Secretário de Saúde que se sensibilizaram com uma demanda antiga, porém negligenciadas em governos passados.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Com a redução dos atendimentos presenciais, que na maioria das vezes é só para receber o medicamento, Hoje, podemos prestar um atendimento muito mais humanizado e consequente e o período de espera atual das filas é de aproximadamente 30 a 40 minutos. O nível de estresse reduziu consideravelmente, tanto para os servidores como para os usuários, já que não ha mais os longos períodos de espera nas filas gigantescas”, explica.

De acordo com a diretora de Assistência Farmacêutica, os investimentos do BRB, principalmente disponibilizando freezer e caixas térmicas para transporte com termômetro acoplado possibilitam que os medicamentos termossensíveis também sejam entregues em segurança. “Antes, os pacientes que utilizavam esses medicamentos precisavam ir até uma das Farmácias de Alto Custo para buscá-los com suas caixas térmicas “ afirma Samara.

Cabe destacar que apesar das entregas realizadas, o atendimento nas três unidades continua normal e permanece o horário de funcionamento ampliado de segunda à sexta, das 7h às 19h, e sábado das 7h às 13h. Além disso, as atividades das Farmácias de Alto Custo não foram substituídas, o GDF na parceria com o BRB criou uma nova atividade, que é a de separação de medicamentos e entrega.
Hoje, são 33 mil usuários cadastrados nas Farmácias do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica (CEAFs).

O Serviço de entrega funciona da seguinte forma: o paciente com cadastro atualizado na farmácia recebe uma ligação da de real telefônica do BRB para agendar a entrega do (s) medicamento ( s) ou o próprio paciente que não recebeu dia ligação e está acabando seus medicamentos, pode telefonar para o número 3029-8080, das 8h às 18h, para agendar o recebimento dos seus medicamentos em sua residência.
Só pode receber o medicamento o próprio paciente ou um representante legal, que também deve estar cadastrado na farmácia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Destacamos e contamos com a colaboração de todos os usuários para separarem suas receitas, LME e APAC com antecedência, de modo que quando o entregador chegar estejam esses documentos de fácil acesso, em cima da mesa ou da geladeira, assim poderemos garantir que todos os agendamentos do dia ocorram, pois caso aconteçam atrasos ou o paciente deixar pra procurar os documentos na hora da chegada do motorista, o que infelizmente tem ocorrido, os demais pacientes subsequentes poderão ter suas entregas atrasadas. MUITO IMPORTANTE ESTAR COM RECEITA, LME, APAC E DEMAIS DOCUMENTOS NA MÃO para receber seu medicamento e não prejudicar os demais pacientes ( usuários) que estiverem na mesma rota de entregas.

Com informações da Agência Saúde




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade