fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Em encontro com Bolsonaro, Ibaneis discute reforma da Previdência e fala sobre greve de servidores do DF

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Da Redação com Agência Brasília

O governado do Distrito Federal, Ibaneis Rocha se encontrou junto com 24 gestores dos outros Estados para um café da manhã com o presidente
Jair Bolsonaro na manhã desta quarta-feira (8).

Entre os principais temas discutidos estavam o pacto federativo e a reforma da Previdência. Para o governador do DF, a ação tem o apoio integral dos gestores, mas ainda precisa de ajustes no texto.

“A reforma tem que atender a sociedade e não só a economia”, alertou.

Ibaneis destacou, também, a disposição para o diálogo do presidente Jair Bolsonaro e do corpo de ministros. Por fim, o chefe do Executivo local, classificou a reunião como positiva e mais um passo no alinhamento do discurso entre os estados, Congresso Nacional e a presidência da República.

“É uma pauta bastante honesta em relação ao pacto federativo. São discussões que se avolumaram ao longo desses últimos 30 anos de Constituição, onde houve uma concentração de renda muito forte na União, sendo que as pessoas moram nos municípios e estados”, disse.

Foto: Agência Brasília/Divulgação

Greve no DF

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), afirmou nesta quarta-feira (8) que a greve de servidores da administração pública “não vai dar em nada”. Segundo o político, “não existe possibilidade de negociar nada no âmbito de salários”.

Ao fim da reunião, Ibaneis conversou com jornalistas e comentou a greve realizada pelos servidores do Metrô no DF. Para ele a paralisação é uma falta de compreensão do serviço público, porque os estados estão todos sem verba.

“Todos nós sabemos que não vai dar em nada, porque não existe possibilidade de se negociar nada no âmbito de salários”, afirmou o governador.


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade