fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Comemoração do Dia do Orientador Educacional terá 10 horas de programação

Entre as atrações, um festival de curtas com a história da orientação educacional nas 14 regionais de ensino do DF

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

O Dia Nacional do Orientador Educacional é comemorado em 4 de dezembro. Para marcar a data, a Secretaria de Educação do Distrito Federal promove, nesta sexta-feira, a décima edição do Fórum de Orientação Educacional. A programação será on-line, a partir das 9 horas, com transmissão pelo canal da SEEDF no YouTube, o EducaDF.

Atualmente, a SEEDF conta com 1.082 orientadores educacionais atuando nas escolas públicas, o maior quantitativo da história da rede. Para homenageá-los, o secretário de Educação, Leandro Cruz, gravou mensagem em vídeo, que também será veiculada na abertura do evento. “Essa mediação é muito importante para a questão da democracia escolar, principalmente para a participação dos grêmios escolares, para a participação dos pais nos conselhos escolares e, acima de tudo, para uma integração maior dos nossos estudantes com a comunidade e com a escola”, afirmou o secretário.

A Orientação Educacional atua na garantia da articulação com os diversos atores da comunidade escolar e está organizada em eixos: ações institucionais, ações junto ao professor, ações junto às famílias, ações junto ao estudante e ações em rede. São os profissionais da área que, muitas vezes, estão à frente de tarefas consideradas estratégicas, como a atuação na garantia de direitos dos estudantes de todas as idades, desde a Educação Infantil até a Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Dedicação

Márcia Cristina Mastrângelo Aguiar, de 33 anos, trabalhou durante dez anos como professora temporária. Aprovada por concurso público em 2016, tomou posse no cargo de orientadora educacional há um ano e meio na Escola CAP (Comunidade de Aprendizagem do Paranoá).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Para ela, é um desafio ser dona de casa, mãe de criança pequena, esposa, orientadora e “juntar tudo isso 24h por dia sem surtar”. A orientadora conta que realmente ama o que faz. “Me identifiquei muito com a profissão porque ela é muito dinâmica e, principalmente, ajudamos as pessoas, não só a criança, mas a família toda”, conta.

Fórum

O evento é um momento de união e encontro, já que conta com a participação de todos os profissionais da área. É também um espaço de formação continuada e de consolidação de políticas públicas em prol de estudantes e de profissionais.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em 2020, a abordagem é a Orientação Educacional como Patrimônio de Brasília, em homenagem aos 60 anos da Capital Federal. Será exibido um documentário produzido pela equipe da Gerência de Orientação Educacional em parceria com o Canal E da rede pública. A obra conta toda a história de acolhimento e de conexão com o trabalho coletivo. Haverá ainda um festival de curtas com a trajetória da orientação educacional nas 14 regionais de ensino.

Para encerrar, a partir das 19 horas, um show musical, com a orientadora educacional e cantora Adriana Barretos, da regional de Planaltina.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Confira a programação.

As informações são da Agência Brasília

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
>



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade