Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Sem combustível, CEB pode deixar de cortar luz por falta de pagamento

Publicado

em

Advertisements

Devido aos impactos da greve dos caminhoneiros, a Companhia Energética de Brasília (CEB) informou que os veículos que prestam serviços administrativos e comerciais não estão operando até que o abastecimento seja normalizado. Cortes de energia por falta de pagamento e novas ligações “não estão sendo priorizados”.

Ainda de acordo com a companhia, desde a sexta-feira (25), os serviços de emergência (falta de energia) são o foco das equipes. “Não há prejuízo a este atendimento”, assegurou.

Água
A greve dos caminhoneiros também afetou o serviço de leitura dos hidrômetros no Park Way. De acordo com a Caesb, a empresa que faz a leitura de contas na região não conseguiu realizar o serviço este mês. Para que não haja acúmulo para o mês seguinte, o cálculo seguirá a média histórica do imóvel.

Aquele que não aceitar que o cálculo seja feito pela média poderá informar o número registrado no hidrômetro até o dia 25 de junho. Isso deve ser feito por e-mail (caccn@caesb.df.gov.br) ou pelo telefone 115. O usuário deverá informar a inscrição ou endereço do imóvel, o número registrado no hidrômetro e a data do registro.

Leia mais em: Greve dos caminhoneiros impede leitura de hidrômetros no Park Way


Você pode gostar
Publicidade