fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

BRB, Fibra, Sejus, Saúde e Educação doam 1,6 milhão de máscaras para rede pública de ensino

Com isso, ainda faltarão cerca de 400 mil máscaras para a meta de 2 milhões de equipamentos da Secretaria de Saúde

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Por Aline Rocha e João Carlos Magalhães 

Nesta terça-feira (30), uma parceria entre BRB, Secretaria de Saúde, Fibra, Sejus e Secretaria de Educação doaram 1,6 milhão de máscaras de proteção individual para a rede pública de ensino do Distrito Federal.

São 680 alunos e servidores na rede de ensino e, durante o evento, foi assinado convênio com a Fibra para aquisição de mais 1 milhão de máscaras para a volta às aulas. O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, afirmou que pretende retomar as aulas presenciais nas escolas públicas já no mês de julho.

A preocupação do chefe do Executivo é de que a retomada das aulas seja feita de maneira segura e organizada, para não colocar alunos e professores em risco.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Quero reabrir as escolas privadas no dia 27 de julho e as públicas no dia 3 de agosto, mas antes tenho que aplicar todas as medidas de sanitização, instalar mais bebedouros, tapetes de desinfecção, oferecer álcool gel e providenciar espaçamento seguro para professores e alunos”, assegura Ibaneis.

Segundo o governador, estudos feitos pelo Governo do Distrito Federal (GDF) mostram que as pessoas estão saturadas do isolamento, seja por necessidade econômica das famílias ou por pressão psicológica e, para ele, a abertura deve ser feita com responsabilidade e condições de atendimento da população na rede de saúde pública.

O presidente do BRB, Paulo Henrique Costa, afirmou que ” Essa ação dá continuidade a tudo que temos feito dentro dos programas Supera DF e Todos Contra o Covid mostrando o Governo do Distrito Federal trabalhando em um conjunto de frente”. 

“Nós acabamos de assinar um termo com a Fibra em que serão entregues mais 1 milhão de máscaras que vão permitir a retomada da aulas nas escolas do Distrito Federal”, disse Paulo. “Nós avançamos na retomada do ‘novo normal'”, finalizou. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Já o secretário de Educação, Leandro Cruz, disse que as máscaras “Serão para professores, estudantes, merendeiras e profissionais da educação como um todo”. 

De acordo com Leandro, o montante de máscaras ainda não é suficiente. “A gente tem a necessidade de 2 milhões de máscaras”. Com isso, ainda faltarão cerca de 400 mil máscaras. 

O Secretário afirmou que todos os equipamentos necessários para proteção dos alunos serão disponibilizados. Dentre eles estarão, álcool em gel, tapete de higienização, pia para lavar as mãos e sanitização das escolas. 

O presidente da Fibra, Jamar Jorge Bittar, reforçou que entende o valor da vida e a importância das atividades comerciais “Nós sabemos que o valor da vida é inquestionável, mas não há que confrontar valor de vida com valor de atividade econômica, são questões que andam em conjunto”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade