fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Atendimento à mãe e ao bebê aprimorado após cursos

Capacitação de servidores é um dos passos para o Hospital da Região Leste se tornar Hospital Amigo da Criança

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Nesta quarta-feira (29) servidores da assistência materno-infantil do Hospital da Região Leste (HRL, antigo Hospital do Paranoá) participam do curso da Iniciativa Hospital Amigo da Criança (IHAC). O objetivo é reforçar os conhecimentos dos profissionais no atendimento à mãe e ao bebê.

“Com esse treinamento sinto que não só eu como toda a equipe poderemos oferecer um melhor atendimento e proporcionar mais qualidade de vida para as mães e bebês que passam por aqui”, afirmou a servidora Lucieny Moreira, gerente de Assistência Clínica do hospital.

O treinamento é um dos 10 Passos para o Sucesso do Aleitamento Materno, que devem ser cumpridos para que o HRL receba o título de Hospital Amigo da Criança, conferido pelo Ministério da Saúde.

O curso também pretende integrar os serviços que prestam assistência materno-infantil. Entre eles, a amamentação como prática natural e saudável e o acolhimento humanizado da mulher, desde o pré-natal até o desmame do bebê.

“Os servidores que participam do treinamento serão os multiplicadores para os demais funcionários. O curso também apresenta algumas mudanças de processos de trabalho dentro do centro obstétrico e da maternidade do HRL”, explicou a superintendente da Região de Saúde Leste, Raquel Bevilaqua.

Ainda de acordo com a gestora, depois do treinamento, há um pré-teste que os servidores devem fazer sobre os conhecimentos adquiridos no curso. “Depois disso, o Ministério da Saúde avalia o progresso deles e, logo depois, faz a visita de inspeção. A expectativa é que todo o processo deva durar em torno de oito meses”, informa a superintendente.

A capacitação da IHAC é uma iniciativa da Organização Mundial da Saúde (OMS) em parceria com o Fundo das Nações Unidas (Unicef). Tem como meta estabelecer ações que resgatem a prática da amamentação e reduzam as taxas de mortalidade infantil. O treinamento foi incorporado como ação prioritária pelo Ministério da Saúde no Brasil em 1992.

O curso fornece conteúdos teóricos e práticos sobre manejo da amamentação, boas práticas no parto e nascimento, que são os alicerces para a adequação dos hospitais aos critérios exigidos pela iniciativa para receberem o título.

Confira os 10 Passos para o Sucesso do Aleitamento Materno:

1 – Ter uma norma escrita sobre aleitamento materno, que deve ser rotineiramente transmitida a toda a equipe do serviço;

2 – Treinar toda a equipe, capacitando-a para implementar essa norma;

3 – Informar todas as gestantes atendidas sobre as vantagens e o manejo da amamentação;

4 – Ajudar a mãe a iniciar a amamentação na primeira meia hora após o parto;

5 – Mostrar às mães como amamentar e como manter a lactação, mesmo se vierem a ser separadas de seus filhos;

6 – Não dar a recém-nascido nenhum outro alimento ou bebida além do leite materno, a não ser que tenha indicação clínica;

7 – Praticar o alojamento conjunto – permitir que mães e bebês permaneçam juntos 24 horas por dia;

8 – Encorajar a amamentação sob livre demanda;

9 – Não dar bicos artificiais ou chupetas a crianças amamentadas;

10 – Encorajar o estabelecimento de grupos de apoio à amamentação, para onde as mães devem ser encaminhadas por ocasião da alta hospitalar.

Com informações da Agência Brasília. 


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade