fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Assessor de Hermeto morre de covid-19

Zoroastro, de 81 anos, trabalhava de forma remota. Deputado também foi diagnosticado com doença, em 17 de dezembro

Avatar

Publicado

em

Foto: Arquivo pessoal
PUBLICIDADE

O assessor do deputado distrital Hermeto Neto (MDB), Zoroastro de Quaresma Prates, veio a óbito nessa segunda-feira (21), aos 81 anos, em decorrência de complicações da Covid-19.

Em 2007, Zoroastro assumiu o posto de administrador da Candangolândia, quando o emedebista ganhou sua primeira eleição.

Em um texto publicado nas redes sociais, o parlamentar lamentou a morte do companheiro e explicou que, por ser do grupo de risco, Zoroastro estava trabalhando de forma remota desde o início da pandemia.

No entanto, um dos filhos do assessor testou positivo para a doença há cerca de três semanas. Em seguida, a esposa de Zoroastro também foi contaminada e, posteriormente, ele próprio contraiu a doença. O assessor foi internado na semana passada, mas não resistiu e veio a óbito.  Ele deixa esposa e três filhos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O deputado

O deputado distrital Hermeto (MDB) testou positivo para a covid-19 na manhã da última quinta-feira (17). O parlamentar havia realizado o teste na terça (15).

Na terça (15), Hermeto participou presencialmente da votação da Mesa Diretora da Câmara Legislativa (CLDF).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em vídeo, Hermeto afirmou sentir apenas sintomas leves, como cansaço, incômodo na garganta e dor de cabeça.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade