fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Área central do Plano Piloto passa por revitalização

Com a participação de vários órgãos do governo, mutirão social e de limpeza vai atuar por dois dias no Setor Comercial Sul

Avatar

Publicado

em

Fotos: Joel Rodrigues / Agência Brasília
PUBLICIDADE

Na manhã desta quinta-feira (18), um mutirão social e de limpeza fez ação no Setor Comercial Sul (SCS). O mutirão é coordenado pela Secretaria de Governo e envolve oito órgão do Governo do Distrito FEderal (GDF). Nos próximos dois dias a ação oferecerá serviços e orientações para conter a pandemia de coronavírus na capital. Ao todo serão distribuídas mais de 2 mil máscaras por cerca de 80 servidores e 20 reeducandos da Fundação de Amparo ao Trabalhador Preso (Funap),  que participam da operação.

De acordo com Débora Guilherme, chefe da Unidade de Projetos Especiais da Secretaria de Governo “O governador está muito preocupado com esse setor por conta do fluxo de gente, que é muito grande, daí a determinação para higienizar e sanitizar cada cantinho, não deixar de limpar nada”.

“Já tínhamos feito esse trabalho nessa região, mas não nessa magnitude”, informa o coordenador do Polo Central I Adjacente, Alexandro César. “É um local muito movimentado, com várias demandas pendentes, e agora vai melhorar.”

População aprova

A movimentação chamou atenção das pessoas que passavam. Muitas ficaram observando a realização dos trabalhos. Duas caminhonetes do Sanear-DF circulavam borrifando cloro pelos prédios. Três caminhões-pipas da Novacap jogavam água quente pelas calçadas e, a seguir, aplicavam um produto de sanitização usado em hospitais e que tem 99% de eficiência para matar o vírus.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“É importante essa atuação do governo”, elogiou a supervisora de vendas Juliana Rother, 41 anos. “Cheguei cedo aqui e já tinha gente entregando máscara, o carro dedetizando. Isso mostra que o Estado está presente”. O vendedor Francisco Rodrigues Araújo, 43 anos, também comemorou: “É ‘o ouro’ essa limpeza que estão fazendo! Estava precisando mesmo, porque aqui passa muita gente”.

Servidores da Novacap, pelo programa GDF Presente, atuaram na poda de árvores, capina dos matos e recuperação de calçadas. A parte de recolhimento de lixo e pintura e dos meios-fios ficou com as equipes do Serviço de Limpeza Urbana (SLU). Ao Detran coube a revitalização dos quebra-molas e faixas de pedestres, a maioria quase apagadas. “Nem dá para ver direito, e são sinalizações importantes, porque é segurança para nós que transitamos muito aqui”, observou a dentista Fabrícia Gonçalves, 36 anos.

População vulnerável

Servidores da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) vão fazer o levantamento e o cadastramento da população em situação de rua que vive no local. Segundo a Secretaria de Governo, atualmente cerca de 100 desabrigados vivem no Setor Comercial Sul. Todos serão convidados a ir para um abrigo. Aqueles que aceitarem serão submetidos à testagem para o novo coronavírus. Para tanto, uma ambulância do Corpo de Bombeiros estará à disposição.

“Essa ajuda é uma bênção, caiu do céu, vai nos ajudar muito, ainda mais porque está fazendo muito frio”, destacou Alberto Quadros, que há sete anos vive em situação vulnerável.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Com Informações da Agência Brasília 


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade